Turismo influencia projeção para bares e restaurantes

0

Devido ao grande número de feriados e também pelo turismo da região, lugares como Fortaleza e outras cidades litorâneas devem ter crescimento de até 3% em 2015. Para fazer essa previsão é considerado que o valor Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) gire em torno de 8% nesse ano.

Quem fez essas projeções foi o presidente-executivo da Associação Brasileira de Bares em Restaurantes ( Abrasel ), Paulo Solmucci. O presidente esteve presente na 22° Encontro Regional da Abrasel, evento que aconteceu entre 24 e 26 de março, na Praia do Futuro.

“O setor de bares e restaurantes representa 35% do Produto Interno Bruto (PIB) do turismo e 50% dos empregos do turismo. Quando o turismo vai bem, nós também vamos”, ressalta o executivo.

Mesmo com crise no cenário econômico brasileiro, Solmucci acredita que ainda há algumas oportunidades.”O dólar mais caro está desestimulando a saída do turista para fora do País e facilitando o desenvolvimento do turismo interno. Além disso, há cada vez menos pessoas com empregadas domésticas e, assim, a alimentação fora de casa tem crescido nos bairros e não apenas nas áreas turísticas”, destaca.

No ano passado, o setor de bares e restaurantes no Brasil cresceu 1,6% e obteve o faturamento de R$ 140 bilhões. Para 2015, a projeção é que o setor fature R$153 bilhões.

Fonte: Diário do Nordeste

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezessete − 9 =