Sucesso no food service tamanho família

0

Por Redação FSN – 18 de março de 2014

Em algumas lanchonetes, bares e casas especializadas em doces espalhadas pela cidade de São Paulo, o sucesso tem relação íntima com o volume dos pratos oferecidos. A lista conta também com pastelarias, hamburguerias, padarias e botecos tradicionais. Em comum, além do tamanho, há o esforço criativo de pequenos e médios empresários em se fazer notar de forma criativa. São histórias que inspiram empreendedores e alimentam de forma divertida os consumidores.

No bairro do Tatuapé, São Paulo, a Casa do Churro atrai seus clientes com churros em formato de espiral, que, esticado, alcança 3,3 metros de comprimento. O Ultra X Tudão, carro-chefe do Santa Coxinha, na Vila Zelina, tem 2,5kg e 7,5 mil calorias, o equivalente a 15 Big Macs da rede americana Mc´Donalds. O prato faz sucesso há oito anos e, segundo o dono da casa, são vendidos em média de 30 à 35 hamburgueres por semana.

Na zona norte de São Paulo, a coxinha da padaria Panetteria ficou famosa recentemente pelo seu tamanho: 1 kg. E ainda lançou um desafio: quem comesse o salgado em menos de dez minutos não pagava a conta de R$ 32,90. A ação rendeu fama para a padaria, que aumentou as vendas não só da coxinha gigante, mas também das de tamanho tradicional.

A hamburgueria La Dona, que fica em São Miguel Paulista, na zona leste de São Paulo, é o que se chama de estabelecimento especialista em tamanho família. A loja tem no cardápio um cachorro-quente de 25 centímetros e algumas opções de hambúrgueres gigantes. Um deles chega a ter perto de três quilos, com 700 a 800 gramas de carne. Esse sanduíche custa R$ 30 e serve até seis pessoas. “Esse foi um diferencial que encontrei para atrair o cliente nesta região”, conta o proprietário, Ênio Ferreira. 

Fonte: GSMD

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

um + 8 =