Sólido mercado de iogurte

0
Sólido mercado de iogurte

Apesar dos impactos da pandemia da Covid-19, segmento continua promovendo bom número de vendas e mira linha de itens mais saudáveis

Apreciado por crianças, adultos e idosos, o iogurte pode ser consumido de diferentes maneiras, inclusive como ingrediente de receitas. Apesar dessa paixão, o mercado de iogurtes, assim como diversos outros na área de alimentação, sofreu com a pandemia, já que o poder de compra da população caiu, e alguns dos postos de venda do laticínio deixaram de operar. Só que um produto já consolidado, dentro de uma sociedade que passa a se preocupar cada vez mais com a saúde, não tardaria a iniciar um movimento de retomada, e é isso que vem ocorrendo, principalmente dentro dos rótulos voltados à alimentação mais saudável.

A Food Service News conversou com a marca Vigor sobre o cenário em que o mercado do produto se encontra atualmente.

Novo perfil

Eduardo Jakus, diretor de marketing da Vigor Alimentos, fala sobre a situação do mercado de iogurtes no Brasil. “Quando se fala em volume, o mercado está estável, mas tratando-se de valor, ele vem crescendo em 2021 e em comparação ao ano passado. Os itens que estão puxando esse crescimento são os packs familiares, especialmente os iogurtes líquidos, e
também iogurtes mais saudáveis, como os naturais e os proteicos. Como, em 2020, muitas pessoas deixaram de ir fisicamente aos pontos de venda, tivemos um pouco de retração no segmento, e agora, no curto prazo, percebemos essa retomada do crescimento principalmente por conta da volta das pessoas aos PDVs. Inclusive, categorias que não estavam em alta no ano passado, como a de iogurtes monodose (individuais), voltaram a crescer. Esse cenário já nos deixa bastante otimistas e crentes quanto a uma retomada ainda mais forte em 2022”, afirma ele.

De acordo com o diretor, o setor sofreu com a pandemia da Covid-19, assim como boa parte do mercado de alimentação, mas, por outro lado, houve crescimento no segmento dos iogurtes saudáveis, já que a população passou a ter maior preocupação com a saúde.

Sólido mercado de iogurte
“Com o aumento da busca por alimentos saudáveis durante esse período por grande parte da sociedade, tivemos um bom impulsionamento no segmento de saudáveis, com iogurtes naturais, principalmente”, diz Eduardo Jakus, diretor de marketing da Vigor Alimentos

“Podemos dizer que tivemos impactos tanto positivos quanto negativos. O principal ponto negativo foi a retração por conta da ausência das pessoas nos pontos de venda e pela diminuição das vendas de itens unitários, que são mais rentáveis, substituídos pelos produtos familiares. Em compensação, com o aumento da busca por alimentos saudáveis durante esse período por grande parte da sociedade, tivemos um bom impulsionamento no segmento de saudáveis, com iogurtes naturais, principalmente. Na Vigor, aproveitamos esse momento para abraçar esse pilar que já vinha sendo estudado pela empresa há algum tempo, e lançamos uma submarca inteiramente voltada para produtos saudáveis, a Vigor Viv”, ressalta ele.

O diretor de marketing da Vigor Alimentos conta que a empresa entendeu a necessidade de um olhar mais atencioso para as linhas saudáveis, investindo no lançamento de produtos do segmento, para poder, assim, aproveitar a tendência de investimento na saúde que cresce cada vez mais.

“Investimos R$ 35 milhões nesse lançamento e levamos ao mercado um portfólio de 29 itens, divididos em oito linhas de iogurtes mais naturais, funcionais e com benefícios variados, como grãos, alto teor de proteína, menor percentual de gorduras e zero adição de açúcares. Entre esses produtos estão duas grandes inovações que trouxemos ao mercado: o iogurte Vigor Viv Búlgaro, nova categoria de iogurtes inaugurada pela Vigor no Brasil, e o iogurte Vigor Viv Simples, o primeiro em embalagem de papel no país”, afirma ele.

Próximos passos

A Food Service News perguntou para Eduardo Jakus como a Vigor pretende atuar neste momento de retomada das atividades, e ele afirmou que a empresa pretende seguir investindo nos rótulos saudáveis.

“Vamos manter nosso investimento no mercado de saudáveis, olhando para outros territórios onde esse segmento e a linha Vigor Viv podem crescer. Estamos aproveitando esse momento de reabertura dos locais de serviços e já estamos realizando um trabalho de ativações para Viv em academias, parques, quadras esportivas, com o intuito de continuar incentivando a busca pelo bem-estar possível, que é aquele que cabe no dia a dia das pessoas”, afirma ele.

Outro questionamento levado a Eduardo Jakus foi como manter o iogurte, um produto que há tempos faz parte da mesa dos brasileiros, em alta no mercado, sem que este perdesse o lugar para novos itens. O diretor afirma que inovação e investimento são as palavras-chaves no assunto.

“Aqui, na Vigor, acreditamos no investimento em inovação, na busca por tendências e no contínuo entendimento de como agregar mais valor para a categoria”, diz ele.


Vigor
www.vigor.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

3 × 1 =