Setor de alimentação impulsiona marcas de utensílios

0

O setor de alimentação está inspirando fornecedores de utensílios domésticos e profissionais a investirem em produtos. A Platinox, uma loja especializada em equipamentos para restaurantes em Curitiba, investiu aproximadamente R$1 milhão para chegar ao varejo. Eles montaram uma loja com 1,5 mil metros quadrados que atende a todos os públicos, comercial, residencial e gourmet.

Com cerca de 5 mil itens no estoque, avaliado em R$1,5 milhão ,a loja abrange marcas como Le Creuset, Staub e Arcoroc, além das macionais como Tramontina, Brinox e Rodriaço. Segundo José Antonio Martimiano, sócio da Platinox, a meta é faturar R$1 milhão por mês, sendo 30% com consumidores e 70% com clientes comerciais, além de abrir mais duas lojas em 2015.”O modelo misto atende a moda da gastronomia”, afirma.

A tendêmcia também inspira os produtores. A De Longui trouxe para o país no ano passado a Cooking Chef, da marca Kenwood, que agrega mais de 40 acessórios e 60 funções,como batedeira planetária, processador, cesto para cozimento e placa de indução para cozinhar alimentos enquanto eles são batidos. O função era o uso doméstico, mas o aparelho atraiu parceiros especializados.

“O cenário permite produtos mais exclusivos. A categoria de processadores dobrou em um ano e cresceu 30% no primeiro semestre, segundo a Gfk”, conta o diretor de marketing Luis Russo.

A marca Bralyx ganhou força estimulação a automação e profissionalização de segmentos artesanais. A inovação da Bralyx foi tanta que criou a primeira máquina capaz de fabricar coxinhas de galinhas, além disso, ela nacionalizou a produção com a alta do dólar e aos poucos viu aumentar o número de empreendedores investindo em receitas brasileiras.

Depois de criar uma máquina para a produção de brigadeiros, a Bralyx lançou uma linha destinada a confeitaria com equipamentos para a fabricação de biscoitos bolo de rolo. Atualmente, essa linha já corresponde a 10% das vendas e o crescimento em 2014 chega a 10% no mercado interno e 120% no exterior. “A marca está presente em mais de 50 países”, diz Gilberto Poleto, presidente da empresa.

Fonte: Valor Econômico

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

1 × quatro =