Sem relaxar nos cuidados

0
Sem relaxar nos cuidados

Resorts tomaram uma série de medidas para se adaptarem às imposições da pandemia da Covid-19

A pandemia da Covid-19 impactou os mais diversos setores da economia e gerou a necessidade de distanciamento social. Hábitos e processos precisaram ser alterados. Nesse cenário, os resorts tiveram de adotar várias mudanças para se adaptarem a essa nova realidade.

Busca e oferta

Valéria Foz, fundadora do Eco Resort Foz do Marinheiro, conta como tem sido a alimentação no resort durante a pandemia da Covid-19.

Sem relaxar nos cuidados
Valéria Foz, fundadora do Eco Resort Foz do Marinheiro, destaca a importância do cumprimento dos protocolos

“A parte de alimentação foi a que mais impactou os hóspedes durante a pandemia. Tivemos que modificar a forma de executar os nossos serviços para promover maior segurança aos clientes. Entrar em um restaurante e não encontrar as mesas montadas com taças, talheres, solitários etc, já é um impacto para o hóspede. Não ter sua bebida servida pelo garçom, necessitar se ‘paramentar’ com máscara, luva e sempre precisar fazer uso do álcool para se aproximar do buffet também geraram muito desconforto e resistência no início. Hoje já encontramos um turista mais adaptado a essa nova realidade, nossas equipes estão mais seguras de suas funções e eles próprios contribuem com sugestões para aprimorarmos o serviço, dentro da nova realidade”, destaca ela.

A empresária afirma ainda que houve mudanças no consumo dos hóspedes, que têm demonstrado buscar uma alimentação mais saudável. “Em relação ao consumo, percebemos uma mudança nas preferências dos clientes. O consumo de destilados em geral caiu e há uma maior preocupação com a qualidade dos alimentos. Os clientes, em geral, têm buscado uma alimentação mais saudável”, afirma.

Valéria Foz também destaca a importância do cumprimento dos protocolos. “Além de cumprirmos todas as orientações que constam no protocolo criado pelo estado de São Paulo para a hotelaria, também buscamos olhar cada processo individualmente, a fim de identificar pontos frágeis ou que possam gerar algum risco. Dessa forma, investimos nos cardápios digitais que, além de promover segurança com o não compartilhamento de cardápios, nos trouxe a facilidade de edição e renovação dos menus em tempo real. Isso nos permite fazer ações de vendas, substituir itens e até adequar o cardápio para o perfil de cliente que estamos recebendo. O álcool se tornou item básico da equipe de garçons. Eles estão a todo momento com um vidro de álcool, esterilizando mesas, oferecendo aos clientes sempre que levam algum pedido etc. Notamos que o uso do álcool já se tornou parte da rotina da equipe. Qualquer funcionário que apresente a fim sintoma relacionado a Covid-19 é imediatamente afastado e encaminhado para fazer o teste. Temos alegria em compartilhar que, desde o começo da pandemia, nenhum colaborador foi diagnosticado com o vírus. Isso valida nossas ações e cuidados com nossos processos”, diz.

Espaço

Valéria Foz afirma que a busca pelo resort surpreendeu por se manter em alta. Ela conta que com a redução da capacidade tem faltado datas para acomodar toda a procura.

Sem relaxar nos cuidados
“Tivemos que modificar a forma de executar os nossos serviços para promover maior segurança aos clientes”, diz Valéria Foz, fundadora do Eco Resort Foz do Marinheiro

“A demanda nos surpreendeu e continua surpreendendo. Tivemos ótimos índices de ocupação desde a reabertura do Eco Resort. Hoje estamos trabalhando com 40% da nossa capacidade, respeitando as orientações do governo estadual e municipal, e faltam datas para acomodar a todos que buscam por reservas”, afirma.

Valéria Foz ainda destaca alguns motivos que ela relaciona ao fato de a procura ter se mantido alta. “Acreditamos que os principais fatores que contribuíram para esse fenômeno são: a necessidade das famílias saírem de suas casas, terem contato com a natureza, se afastar dos ambientes fechados onde vivem cercados por medos e incertezas. A busca por espaço, principalmente para quem ainda está fazendo home office. Temos observado uma crescente busca de famílias onde os pais passam o dia trabalhando (na varanda dos apartamentos ou próximo à piscina) enquanto as crianças brincam e interagem com outras crianças e os animais da fazenda; geralmente essas famílias se reúnem para as refeições, em seguida os pais retomam o trabalho e as crianças voltam às atividades. E por último temos o fato que, infelizmente, o número de estabelecimentos que não conseguiram se manter durante os últimos meses e acabaram fechando é assustador; com a redução da oferta, a demanda para os que conseguiram se manter naturalmente é impactada”, afirma.

Por fim, Valéria Foz enfatiza a necessidade de uma alimentação saudável e o incentivo do Eco Resort Foz do Marinheiro em relação a essa prática, com oferta de alimentos saudáveis e orgânicos, além de estímulos para a educação alimentar das crianças que se hospedam no local.

“Nós do Eco Resort Foz do Marinheiro incentivamos a prática da alimentação saudável. Essa atitude se manifesta em nossos buffets, onde damos preferência aos produtos orgânicos produzidos aqui mesmo na nossa horta, fabricamos todos os nossos pães e doces servidos no café da manhã e também disponibilizados no nosso Mercado Foz (para que os clientes possam levar para casa), oferecemos opções balanceadas, com grande variedade de verduras, frutas e legumes. Também estimulamos as crianças, através das atividades com a equipe de lazer, onde elas aprendem todo o caminho do alimento começando na horta, onde elas plantam diversas mudas pela manhã, no período da tarde elas fazem a atividade de colheita e ainda participam do nosso processo de compostagem. Dessa forma, buscamos, além de divertir, formar as crianças para que tenham e valorizem os benefícios de uma alimentação saudável”, diz.

Segurança como prioridade

Sem relaxar nos cuidados
Janyck Daudet, CEO do Club Med para a América Latina, fala sobre as mudanças adotadas pelo resort durante a pandemia da Covid-19, contando sobre o lançamento do programa global “Seguros Juntos”

Janyck Daudet, CEO do Club Med para a América Latina, fala sobre as mudanças adotadas pelo resort durante a pandemia da Covid-19, contando sobre o lançamento do programa global “Seguros Juntos”.

“O Club Med lançou, em junho de 2020, o programa global ‘Seguros Juntos’ com novos protocolos de higiene certificados por empresas de padrão internacional como a Cristal Standards International e a Ecolab, de forma a tornar a experiência mais segura para hóspedes e funcionários. No setor de alimentos & bebidas, o programa ‘Seguros Juntos’ traz adaptações e mudanças específicas para a nova realidade pós Covid-19. A mais expressiva está na forma como o Club Med oferece as refeições, com a suspensão do sistema de buffet tradicional e de todas as opções expostas ao mesmo tempo. Neste novo momento, os pratos são oferecidos aos hóspedes pré-montados e no sistema de prato assistido. Dessa forma, suspende-se a exposição dos alimentos para a manipulação comum de todos, evitando uma eventual possibilidade de contaminação cruzada. Carnes, frutas, pães e queijos são servidos pela equipe Club Med. As bebidas durante as refeições são oferecidas em sistema self-service”, afirma ele.

Janyck Daudet fala também sobre as mudanças na ocupação de espaços, horários e protocolos de higienização, destacando a importância da amplitude das áreas de ar livre no resort.

“Além disso, a capacidade de lugares nos espaços está reduzida, e as mudanças também passam pelo limite de pessoas presentes nos locais e na intensificação da higienização desses espaços, com limpeza profunda, reforçada e frequente, incluindo limpeza de superfícies, equipamentos e pontos de contato (torneiras, interruptores, maçanetas, máquinas de bebidas e cafés). Os restaurantes contam com a ampliação das horas de funcionamento, oferecendo mais flexibilidade de horário para os hóspedes realizarem as refeições, sem aglomerações no local. As áreas externas para alimentação também estão expandidas, aproveitando da grande vantagem dos resorts Club Med de serem construídos em grandes espaços, o que permite distribuir os hóspedes pelas áreas ao ar livre, evitando aglomerações”, ressalta.

Janyck Daudet cita ainda as mudanças em relação aos colaboradores, com a utilização de equipamentos de proteção individual e cuidados especiais com higienização dos uniformes.

“Com relação à estrutura e aos funcionários que trabalham nestes locais, o Club Med conta com dispenser de álcool em gel com sensor e de uso obrigatório, distanciamento das mesas, todos os funcionários usando luvas e máscaras, lavagem de todos os uniformes acima de 75°C e isolamento de fluxo sujo/limpo”, diz. “Entre as principais medidas adotadas pelo Club Med, estão: uso contínuo de máscara pela equipe; uso de luvas durante qualquer preparação de alimento ou processo de limpeza; álcool em gel para as mãos disponível por todo o resort; higienização profunda reforçada, incluindo limpeza de superfícies e equipamentos mais frequentemente; distanciamento social com marcações no chão; aferição da temperatura corporal dos visitantes durante o check-in e regularmente durante a estada; médico(a) ou enfermeiro(a) disponível 24h no Resort”.

Sem relaxar nos cuidados
Valéria Foz, fundadora do Eco Resort Foz do Marinheiro, afirma que a busca pelo resort surpreendeu por se manter em alta

Segundo Janyck Daudet, a rede continuará oferecendo o melhor dos serviços com o alto padrão de qualidade. “Vamos seguir oferecendo todo o nosso espírito de convivialidade, marca registrada da rede há 70 anos, e ainda mais segurança para o bem-estar e saúde de todos, por meio de novos protocolos. O Club Med está adaptando a capacidade de seus resorts na intenção de oferecer mais espaço e segurança. Estamos olhando para os serviços de Shuttles, da recepção, para as atividades, fazendo o nosso melhor para que os hóspedes aproveitem plenamente a sua estada, sem preocupações e com total liberdade. Somos uma rede internacional e, por isso, conseguimos nos beneficiar das experiências e dos protocolos implementados nas nossas unidades em outras regiões do mundo que já reabriram. Escolhemos trabalhar com os melhores parceiros mundiais para implementar protocolos de alto nível. Estas questões estarão entre as prioridades dos viajantes no momento da retomada do turismo, e a escolha do local para onde vão desejar viajar vai levar em conta a familiaridade e a confiança nos serviços prestados”, destaca.

O CEO comenta também sobre a preferência de destinos dos clientes para viagens pós-pandemia. “Uma pesquisa realizada com clientes sobre viagens pós-pandemia em janeiro/2021 mostrou que a ampla maioria deseja destinos domésticos, pelo nordeste e sudeste do Brasil; 53,24% desejam opções all inclusive e 31,40% desejam destinos com acesso por meio de carro, o que vem de encontro a tudo que oferecemos nas unidades de Rio das Pedras (RJ), Lake Paradise (SP) e Trancoso (BA). Além disso, o Club Med conta com uma vasta área externa que possibilita que os hóspedes possam circular e manter o distanciamento social adequado respeitando as restrições dos órgãos competentes”, ressalta.

Eco Resort Foz do Marinheiro
www.fozdomarinheiro.com.br
Club Med
www.clubmed.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

10 + 14 =