O food service e o consumidor brasileiro no cenário atual

0
4

Um dos maiores desafios do mercado ainda é entender o consumidor brasileiro. Buscar conhecer quem está comprando em nossas lojas e o que eles desejam é um dos grandes desafios para qualquer empresa de nosso país. E não se trata apenas do cenário de crise econômica que estamos vivendo atualmente.

O comportamento do consumidor deixou de ser uma ciência simples. Ele é muito dinâmico, pois cada vez mais uma novidade pode criar um grande impacto no consumo. No food service brasileiro isso é muito evidente.

As transformações causadas pela tecnologia, pela globalização e as mudanças sociais trouxeram uma série de oportunidades e desafios para o nosso país. O surgimento e a popularização de tecnologias, sobretudo a internet, contribuíram para a formação de um consumidor mais exigente e conectado. As redes sociais, por sua vez, se tornaram verdadeiros canais de atendimento e relacionamento entre marcas e clientes.
E também, devido à complexidade do povo brasileiro, por seus diferentes costumes e diferenças culturais, ressaltar as características dos nichos de mercado ainda é um dos caminhos sugeridos. Entretanto, sem que isso limite os objetivos de crescimento da empresa.

Eu estive recentemente conversando com alguns empresários e profissionais do mercado, e a grande queixa que me fizeram é que não há nada lógico ou racional sobre o comportamento do consumidor brasileiro. Eu concordo que há bem menos, comparativamente falando em relação a outros países e culturas.
Dentro disso, existem empresas que estão tendo bons resultados mesmo no meio da atual crise econômica, e há outras empresas similares que estão tendo resultados muito ruins. Um dos caminhos para a gestão é aumentar a customização, ou seja, envolver mais o consumidor na criação ou desenvolvimento dos produtos e serviços a serem oferecidos.
Nunca foi tão complexo compreender e atuar no food service como agora, porém, nunca foi tão necessário sair da zona de conforto que muitas empresas e profissionais ainda estão. Tentar entender o consumidor e daí propor novas maneiras de melhor atendê-lo, satisfazê-lo e mantê-lo é um princípio geral que deve ser mais do que nunca seguido.

Assim, oriento aqui as empresas do food service a irem ao encontro dos seus consumidores cada vez mais, envolvendo-os, seja com práticas de relacionamento físico ou virtual, seja pesquisando e analisando seus anseios e propondo novidades para seus produtos e serviços. Vale lembrar que os consumidores atuais, e não só os brasileiros, estão cada vez mais também no mundo digital, tendo novas possibilidades de escolhas e comportamentos mais imediatistas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

20 − 5 =