Maioria das pessoas pedem semanalmente por delivery, diz pesquisa

1

Uma pesquisa feito pelo Broadcast, conduzido pelo delivery Ifood, mostrou que 56% das pessoas fazem pedidos semanais. Nesse número, 14% realizam pedidos mais de duas vezes por semana; 18% duas vezes; e 24% fazem um pedido por semana.

Os dados foram obtidos através da plataforma Conectaí, onde foram entrevistadas 1.800 pessoas de várias cidades. De acordo com essa pesquisa, os principais horários de pedidos são durante a janta no fim de semana (67%), jantares no meio de semana (46%), e almoços durante os sábados e domingos.

A pesquisa também mostrou o perfil dos consumidores que pedem delivery. A maioria das pessoas que pedem comida são quem possui cônjuge e filhos (41%), os que moram com amigos e parentes (29%) e quem mora com apenas um companheiro (18%). Por último, com 8%, estão as pessoas que moram sozinhas.

A classe econômica que mais faz pedidos por delivery é a B (69%), seguido pela classe C (17%) e classe A (14%). No Brasil, a região Sudeste lidera o número de pedidos, com 49%. Logo depois aparecem o Nordeste (22%), Centro-Oeste/Norte (15%) e Sul (14%).

Outro dado importante apontado na pesquisa é o uso de tecnologias no delivery. Atualmente, o uso de smartphones já representa 38% do total de pedidos, enquanto o telefone registra 62%.

Dentre os motivos para fazer pedidos por meios digitais, destaca-se a facilidade de uso (64%), ágil cardápio (55%) e não precisar falar com um atendente (51%).

De acordo com o CEO do Ifood, Felipe Fioravante, os modelos tradicionais devem deixar de estar na liderança dos pedidos de delivery. “Nós vivemos em uma sociedade que começa a ter gerações nativas da tecnologia. Então a visão de interação entre consumidores e empresas é diferente”, conta.

Fonte: Isto É Dinheiro

1 Comentário

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezenove − 16 =