Inverno de tentações

0

Doces ou salgados, os fondues estão no cardápio do brasileiro e na mira do food service

E m meados de junho, o outono chega ao fim, dando lugar ao inverno. As pessoas já começam a tirar do armário aquele velho casaco e se preparam para este período tão cheio de charme. Além de roupas mais pesadas, a alimentação também se adapta a esta estação. É a época das comidas quentes.
O fondue, especialidade suíça, guarda histórias dos primeiros restaurantes a servi-lo no Brasil. Uma das versões diz que em 1974, na cidade de Gramado, no Rio Grande do Sul, o restaurante do hotel Estalagem Saint Hubertus foi o primeiro estabelecimento a servir o prato. O dono na época era o senhor Clésio Gobbi. A ideia de colocar o produto no cardápio surgiu a partir do clima acolhedor e romântico da cidade de Gramado. Desde então, o fondue tem feito parte da mesa do brasileiro, principalmente em épocas mais frias. Há variações nos sabores, que abrangem o chocolate, queijo e carne.
Para o fondue doce, pode ser usado o chocolate dos tipos ao leite ou branco, acompanhados de frutas como morango, uva e abacaxi. Já o fondue salgado pode ser feito a partir de uma grande variedade de queijos e acompanha, na maioria das vezes, o pão italiano, por ser mais duro e não se despedaçar com facilidade. O fondue de carne pode ser produzido a partir da carne bovina, suína e de aves. O toque especial deste prato são os molhos, que podem ter vários sabores como agridoce, tártaro, curry e mostarda.
Qualidade reconhecida
Fundada em 1980, a Tirolez é especializada em produtos de laticínios. A marca possui mais de 50 tipos de queijos. No mercado food service há 3 anos, a empresa pretende expandir ainda mais a linha de produtos que atende esse segmento, de acordo com Natália Esgrinholi, coordenadora de produtos especiais da Tirolez. “Buscamos contribuir muito para esse mercado com uma linha completa de produtos de qualidade reconhecida, gerando valor para os nossos clientes a preços competitivos. Oferecemos serviços como receitas, degustações comentadas e entregas dedicadas”, diz.
O crescimento atingido pela Tirolez com a venda do fondue é notável e chega a 21 % ao ano. A aceitação do consumidor é grande, conforme afirma Natália. Os fondues são prontos para o consumo e a composição deles conta com queijos especiais selecionados. Para atender ao mercado food service, a Tirolez fabrica a embalagem de fondue de 4kg. “O produto passa por um rigoroso controle de qualidade, que garante o mínimo de variação durante o processo. A qualidade é assegurada desde os controles na produção do leite até a mesa do consumidor”, explica Natália.
A Tirolez, conforme pondera a coordenadora de produtos especiais, é uma empresa moderna e ágil. Atenta às tendências de consumo, inovou e lançou produtos saudáveis como o Creme de Ricota normal e light, Creme de Minas frescal e cottage, “esses produtos possuem aspectos nutricionais saudáveis, sabor leve, fresco e delicioso”, completa ela. Há pouco tempo foi testado na empresa o uso do Creme de Ricota e de Minas na culinária japonesa, com a intenção de substituir o cream cheese. De acordo com Natália, o resultado foi surpreendente. Além de manter as características no sabor e textura, as receitas ficaram mais leves. “É importante ressaltar que o uso da linha “Spread Saudáveis Tirolez” não se restringe apenas à culinária japonesa. É possível utilizá-la em bolos, molhos, sanduíches, entre outros múltiplos usos”, conta.
Com a intenção de contribuir com o cliente, segundo Natália, a empresa fez parcerias com consultorias culinárias e nutricionais, a fim de desenvolver novas receitas e aplicabilidade aos produtos, além de avaliar o desempenho culinário e nutricional dos alimentos.
Visando, ainda, o consumidor, a empresa modernizou sua página no Facebook e trouxe ainda mais informações e curiosidades nutricionais sobre os produtos. “Com o conceito “Apaixonados por Queijo”, a Tirolez declara sua paixão em um manifesto que pode ser encontrado na rede: “Manifesto dos Apaixonados por Queijo”, completa ela.
Tradição cremosa
Com mais de 100 anos de história, a Cooperativa Santa Clara iniciou suas atividades em 1911 com a Lateria Santa Chiara, sendo a mais antiga em produtos lácteos que ainda está em atividade. Com a motivação de ter maiores produtores e praticidade, a empresa entrou no mercado food service na década de 1990.
Conforme explica Alexandre Guerra, diretor administrativo e financeiro da Santa Clara, os queijos utilizados no fondue são de média e longa maturação, pois a massa deles é mais propícia à fusão. Além disso, são 100% produção própria. Queijos frescos não são indicados pelo alto teor de umidade e não contribuem para o sabor final. A empresa, além do fondue de queijo tradicional, fabrica o de quatro queijos e o de chocolate com avelã.
A demanda desse mercado está crescendo e, segundo Guerra, para conseguir atender a essa procura, a cooperativa se estruturou com as Centrais de Distribuição e Operadores Logísticos. Ele afirma que comprar o produto já pronto é uma vantagem, pois o processo industrial garante uma análise de estabilidade e homogeneização da massa e, ainda, ingredientes específicos para obter textura e consistência ideal, “traz praticidade”, completa ele. Além de o fondue poder ser consumido de forma tradicional, Guerra indica o produto para o preparo de receitas como lasanhas, massas, pizzas e filés. Os principais clientes da Cooperativa Santa Clara dentro do food service são os restaurantes. “A demanda é crescente, mas também há uma gama de consumidores que adquirem os fondues nos supermercados”, diz.
A época que o produto é mais vendido, de acordo com o diretor administrativo e financeiro, é o inverno. “Por ser um produto que aquece e cria um clima especial, é propício para esta época do ano”, afirma.
Entre os diversos prêmios adquiridos pela empresa está o “Marcas de Quem Decide”, em que os queijos fabricados pela Santa Clara foram os mais lembrados e preferidos pelo consumidor. “Representa o reconhecimento do trabalho de mais de um século de história”, conclui.
Sabor com investimento
Desde 1929 no mercado, a Chocolates Garoto exporta seus produtos para mais de 50 países. Localizada em Vila Velha, no Espírito Santo, é a maior fábrica de chocolates da América Latina. O chocolate e o sorvete oficiais da Copa do Mundo da FIFA, em 2014, no Brasil, pertencem à marca. Segundo Gabriela Bonella, gerente de produto da Chocolates Garoto, esse foi o maior investimento em marketing na história da empresa. Foram cerca de R$ 200 milhões em ações de mídias, redes sociais e desenvolvimento de novos produtos, além da exclusividade em vendas de chocolates e sorvetes nos estádios.
A Chocolates Garoto, como conta Gabriela, quer estar presente em todos os segmentos possíveis para atender as necessidades do consumidor. Pensando nisso, fabrica barras de chocolate de mais de um quilo, que podem ser usadas para cobertura de bolo, sobremesas diversas e, claro, o fondue. “A Garoto oferece a seus consumidores cinco diferentes tipos de coberturas de chocolate. São produtos que oferecem facilidade de manuseio e praticidade”, explica. As coberturas citadas por Gabriela são: chocolate ao leite, meio amargo, branco, blend e ao leite plus. Todas elas podem ser encontradas em embalagens de 500g, 1kg e 2,1kg. Com essas opções, a gerente de produto afirma que fica muito mais fácil de o consumidor analisar e ver quais podem fazer parte da receita do fondue, já que, também, o cliente pode comprar a versão blend, que vem com a combinação de vários tipos de chocolates na medida certa. Além disso, são produtos pensados na facilidade de derreter, contendo a quantidade correta de leite e açúcar.
São diversos os públicos que utilizam as barras de chocolates, desde donas de casa até restaurantes, sorveterias, indústrias, padarias e artesãos. “No caso dos artesãos, o chocolate é capaz de transformar vidas. Muitas vezes, eles começam a trabalhar com o produto como um complemento e isso acaba se transformando na principal fonte de renda da família”, diz ela. A Garoto, como afirma Gabriela, foi a pioneira em ensinar gratuitamente aos consumidores técnicas para trabalhar com o chocolate.

Tirolez
www.tirolez.com
Santa Clara
www.coopsantaclara.com.br
Garoto
www.garoto.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

vinte − 9 =