Grande potencial

0
Grande potencial

Sucesso nos Estados Unidos e em países europeus, waffle ganha mais notoriedade no Brasil

Criado na Bélgica, o waffle é bastante consumido nos Estados Unidos e em países europeus. No Brasil, o produto também tem feito sucesso e conquistado as pessoas ao longo do tempo.

Nesse cenário promissor, a rede de franquias The Waffle King investe no item e tem obtido bons resultados. Seu fundador, Anderson Suriz, ressalta que trata-se de um mercado com um grande potencial.

Grande potencial
“Nosso negócio foi concebido durante dois anos. Antes de abrirmos a primeira loja chegamos a ter 25 profissionais de várias áreas trabalhando tanto no Brasil quanto na Itália no desenvolvimento de toda as áreas do negócio”, afirma o fundador da The Waffle King, Anderson Suriz

“É um mercado com grande potencial, pois o brasileiro já possui uma relação afetiva com o waffle de alguma forma, sejam elas pelas receitas de família ou nos locais que vendem a guloseima. Porém, estão acostumados com aquela massa murcha, borrachuda, pesada de forno, diferente do nosso modelo de negócio que nasceu com a missão de fazer com que todos conheçam um produto de qualidade e tradição com um toque brasileiro, proporcionando assim uma experiência única aos consumidores”, afirma ele.

Suriz relata que a decisão de investir no produto foi tomada após uma viagem para o continente europeu.

“Decidi investir nesse produto depois de uma viagem à Europa, onde provei o verdadeiro waffle de Liége e me impressionei com o produto. Dali em diante, enxerguei uma oportunidade de multiplicar no Brasil e fora dele a experiência de comer um waffle de qualidade num ambiente diferenciado trazendo uma experiência de marca muito melhor dos que são apresentados no mercado. No Brasil, o waffle é pouco consumido, pois os equipamentos profissionais não eram adequados para a produção e as receitas eram prontas. Para garantir o melhor produto aos consumidores, a The Waffle King desenvolveu os equipamentos profissionais no Brasil e criou uma indústria que fabrica os insumos bases para o preparo de forma padronizada, tornando-se a primeira marca brasileira a possuir equipamentos específicos para a produção de waffles”, conta ele. “Somos a única rede de fast-food de waffle da América Latina, portanto não temos concorrentes diretos no mercado de waffle. O consumidor busca produtos diferenciados com qualidade e padronizados, sabendo que pode encontrar a mesma experiência em qualquer loja da rede”, diz ele.

No que diz respeito aos desafios envolvidos, Suriz ressalta o de satisfazer os consumidores ao máximo e a seleção de perfis de franqueados. “Acredito que o maior desafio seja satisfazer os consumidores ao máximo com os nossos produtos. Além da seleção dos melhores perfis de franqueados para assumir uma franquia. Temos muito cuidado com essa questão”, afirma ele.

O produto, conta o fundador da The Waffle King, tem sido muito bem recebido. “É um sucesso! Desde o nascimento da The Waffle King, avaliamos o comportamento do consumidor e costumamos dizer que reconhecemos o sucesso do nosso negócio pelos gestos de nossos clientes, que na primeira mordida de waffle eles costumam levantar a sobrancelha em sinal de prazer e felicidade ao vivenciarem uma experiência gastronômica única com um produto crocante e ao mesmo tempo macio”, afirma ele, que também fala acerca dos diferenciais da marca. “Nosso modelo de negócio se posicionou no mercado como sendo um fast-food de waffle, mas para agradar todo o nosso público incluímos no cardápio pizzas, sorvetes e uma gôndola com produtos próprios que permite que o cliente leve nossa experiência para a sua casa. Já nossas embalagens foram desenvolvidas com exclusividade e são descartáveis, permitindo tanto o consumo local, take way ou mesmo delivery, seguindo o estilo americano”, afirma ele.

Mercado

O Brasil e o mundo vivem, atualmente, uma crise econômica, impulsionada pelos reflexos da pandemia da Covid-19. A Food Service News perguntou a Suriz como é possível ter bons resultados mesmo em tempos de crise.

Grande potencial
A rede de franquias The Waffle King investe no item e tem obtido bons resultados

“Nosso negócio começou a ser criado em 2018 e desde o início o objetivo era a construção de um fast-food com embalagens descartáveis, esta definição estratégica foi fundamental para mesmo com restrições municipais, estaduais ou federais conseguirmos inaugurar lojas e atender nossos clientes, via aplicativo e site próprios de pedidos, pegue e leve, ou mesmo com consumo local nas cidades onde é possível”, ressalta ele.

Além disso, diz ele, para se destacar no mercado, foi realizado todo um importante trabalho antes do lançamento da marca.

“Nosso negócio foi concebido durante dois anos. Antes de abrirmos a primeira loja chegamos a ter 25 profissionais de várias áreas trabalhando tanto no Brasil quanto na Itália no desenvolvimento de toda as áreas do negócio. Este investimento de tempo e dinheiro prévio fizeram com que a The Waffle King já nascesse com sistemas, aplicativos, sites, controles, manuais, treinamentos, equipamentos exclusivos, produtos exclusivos. Inauguramos a marca com total convicção de que seria um sucesso”, diz ele, que também afirma que “processos, padronização e gestão são fatores primordiais e aconselhamos nossos franqueados em garantir qualidade e toda a assistência aos nossos consumidores”, afirma.

Suriz relata também que, quando decidiu montar o empreendimento, decidiu que deveria aprender a produzir o waffle.

“Quando resolvi montar o negócio, decidi que deveria aprender a fazer waffle e literalmente colocar a mão na massa. Foi uma importante lição que tirei desse processo de construção que levei como um dos valores mais importantes dentro da The Waffle King. Em nossos treinamentos de novos franqueados, juntamos o time para seguir meu aprendizado e ensinamos a eles a preparação do waffle e em seguida, os processos e gestão do negócio, garantindo sucesso da identidade da marca”, diz ele, que quando perguntado sobre quais foram os seus maiores aprendizados na área até agora, responde que “energia e pensamento positivos atraem pessoas boas e excelentes resultados”, afirma.

Consumidores

Muito se tem falado que os consumidores já não são mais os mesmos e que eles têm se tornado cada vez mais exigentes ao longo do tempo. Nesse cenário, como atender as novas demandas das pessoas? Suriz ressalta a importância de oferecer produtos de extrema qualidade.

Grande potencial“Os consumidores não querem mais do mesmo, eles querem o melhor de acordo com o seu poder aquisitivo. Nesse quesito, a The Waffle King é assertiva pela proposta de trazer ao mercado produtos de extrema qualidade que permitem o acesso a todas as classes sociais. Hoje, atendemos clientes que já viajaram para o exterior e reconhecem por meio de nossos produtos a qualidade igual ou até superior a outros países, mas também recebemos pessoas que não conhecem o produto, mas que conseguem vivenciar uma experiência única de consumo”, afirma ele.

Em relação aos planos da marca em médio e em longo prazo, o fundador da The Waffle King ressalta o foco em expansão.

“Estamos focados no nosso plano de expansão, que abrange todas as regiões do Brasil. Hoje, a rede está presente no Rio Grande do Sul e Santa Catarina e em breve irá inaugurar unidades no Paraná, São Paulo, Ceará, Goiás, Pará, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Mato Grosso e Distrito Federal. Nossa meta para 2021 é alcançar 100 franquias comercializadas e pelo menos 50 implantadas no Brasil”, afirma ele.

A rede oferece tanto opções doces como salgadas do waffle. Alguns dos complementos oferecidos são sorvete, banana, morango, confete, chocolate ao leite, chocolate branco, doce de leite, creme de avelã, calda de morango, ovomaltine, quatro queijos, peito de peru, pepperoni e frango.

The Waffle King
thewaffleking.com.br/index
www.instagram.com/thewafflekingbrazil

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezesseis + doze =