Faturamento do franchising registra crescimento histórico

0

Depois de várias quedas históricas, o setor de franchising obteve crescimento de 8,1% no segundo trimestre de 2016. A receita acumulada no período foi de R$ 35,1 bilhões, ante R$ 32,5 bilhões registrados no primeiro trimestre do ano, sem descontar a inflação de 1,75% no período.

De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), os números estão de acordo com a expectativa para o período, que esperava um crescimento entre 6% e 8%. “Esperamos agora que, com o consumidor lentamente recuperando sua confiança e a potencial estabilização no campo político, possamos buscar melhores resultados. Entendemos também que as ações de estímulo ao consumo, que foram muito importantes nos últimos meses, devem continuar a fim de manter o interesse do consumidor”, afirma a presidente da ABF, Cristina Franco.

No ano passado, o segmento registrou uma queda real, descontada a inflação de 2,18%. Foi o pior resultado da série histórica, que começou a ser computada em 2003.

O crescimento por segmentos mostrou um bom resultado em Esporte, Saúde, Beleza e Lazer, com aumento de 15% na receita. Já Acessórios Pessoais e Calçados, junto com Negócios, Serviços e Outros Varejos, teve o aumento de 10% cada um. Os negócios que envolvem Lavanderia, Limpeza e Conservação e os Serviços Automotivos tiveram uma receita 9% maior no período.

Fonte: Estadão PME

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

4 × três =