Romã, escolha apurada

No Brasil, o mercado de sucos viu crescer a demanda pelo sabor da romã e decidiu apostar na fruta

0

Embora seja colhida apenas uma vez por ano, a romã possui em sua fama a saudabilidade e o gosto apurado para fazer sucos ou, simplesmente, degustar suas sementes.

Algumas empresas já contabilizam o faturamento gerado apenas com o suco de romã, que é um dos ingredientes principais na produção de sucos. O consumo desse produto pode ser atribuído também ao seu alto valor nutricional. Para se ter uma ideia, a romã possui Vitamina A, Vitamina C, Vitamina E e Ácido Fólico. Além disso, a fruta possui alto teor de antioxidantes, que são essenciais para o sistema imunológico.

Para o coração, a romã atua diminuindo o mau colesterol e deixando as artérias limpas de coágulos. A romã possui a capacidade de deixar o sangue mais fino e, consequentemente, diminuem os coágulos.

A casca da romã e as folhas são usadas no combate a problemas estomacais, como, por exemplo, a diarreia. O suco também pode ser usado no combate à cólera e à disenteria. A romã é uma importante fonte de antioxidantes, os chamados flavonoides, que podem neutralizar os radicais livres que causam o câncer. Pessoas com risco de desenvolver alguns tipos dessa doença, como o câncer de mama e o de próstata, podem aderir ao suco de romã, já que diminui as chances de desenvolver a doença.

A romã é uma importante fruta para prevenção de anemias. Além disso, por ter propriedades antibacterianas e antivirais, a romã pode auxiliar no combate à placa bacteriana e ao desenvolvimento de doenças orais. O uso da romã para manter a saúde bucal funcionando corretamente pode ser essencial.

Por ser rica em vitamina A, a fruta também é ótima para a saúde da pele e a visão. Essa vitamina também é importante para o sistema embrionário e de reprodução, o que reforça a ideia de a romã ser usada como símbolo de fertilidade. Já a vitamina B, também encontrada na romã, é essencial para manter a saúde emocional funcionando.

Produção

Baseada no conceito de saudabilidade, surgiu a Juxx, empresa que atua na produção de sucos naturais e tem como ideologia produzir sucos com o maior potencial nutritivo possível. É exatamente por isso que a Juxx se compromete a não adicionar corantes, conservantes, espessantes e aromatizantes artificiais.

De acordo com Edson Mazeto Jr, fundador e diretor executivo da Juxx, o suco de romã ocupa lugar cativo na quarta posição em número de vendas e representa 10% do faturamento em produtos. Ele conta que a decisão em produzir o suco de romã foi baseada não somente no conceito de saudabilidade, mas para aumentar o portfólio da marca. “Na época de lançamento, estávamos crescendo bastante com o Cranberry e precisávamos de uma fruta que fossemos pioneiros no Brasil, que possuísse benefícios para a saúde e que pudesse ser comprada do mesmo fornecedor, para melhorar o custo com a logística de importação”, explica.

Quanto aos valores nutricionais do suco de romã, Edson ressalta a importância dessa fruta no combate a várias doenças. “A romã é uma fruta muito tradicional em alguns países e no Brasil tem sua participação na recordação de muitas pessoas. Culturalmente, os antigos diziam que a fruta é boa para curar dores de garganta, tomando-se o chá da casca. A romã tem uma potente ação anti-inflamatória, ajuda a prevenir o câncer de próstata, auxilia no alívio de sintomas da artrite, contribui na redução do colesterol, e é vezes mais rica em antioxidante do que o chá verde. Contém sais minerais, cálcio, ferro, potássio, magnésio e fósforo. Além disso, aumenta os níveis de testosterona, tornando-se um estimulante sexual natural”, pontua.

A produção do suco de romã, segundo o executivo, não possui nenhuma diferença em comparação às outras frutas. Porém, a fórmula do suco de romã foi a mais demorada e a que precisou de mais tempo para ser aprimorada. Segundo Edson, encontrar a fruta não é um problema para a Juxx. “Nossa romã vem de um fornecedor que compra rodas do Irã e do Chile para misturar e processar nossa matéria-prima”, relata.

A Juxx atua com os sucos de Cranberry, Blueberry, Ameixa, Romã, Zero Lactose e Antiox. Além disso, a empresa lançou um novo suco que promete deixar os fãs de vida saudável mais animados. “Atualmente, a novidade é o X-mune JUXX, um suco 100% sem adição de açúcares ou adoçantes, formulado com frutas amarelas e vegetais ligados à imunidade do organismo e enriquecido com o Composto XIV(uma mistura de vitaminas, minerais e Beta Glucano de levedura), todos ligados a aumento da imunidade, sendo esse último um ingrediente exclusivo da JUXX para o Brasil”, conta Edson.

Com certificação de importantes órgãos ligados à saúde, a Juxx possui selos da Associação Nacional de Assistência ao Diabético (ANAD), da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) e do Observatório de Longevidade (OLHE).

De olho no próximo ano, a Juxx encara 2016 com otimismo e foco na internacionalização. “Desejamos aumentar nossa participação nos pontos de venda atuais com ações de trade, lançar novos produtos e atuar no mercado externo”, finaliza o executivo.

Foco

A Kalena Foods, empresa com foco em alimentos naturais, entra no mercado de produtos saudáveis para levar ao consumidor. A empresa se preocupa com a procedência de alimentos e só trabalha com fornecedores certificados. Além disso, a Kalena conta com uma equipe própria de vendas e de distribuição, para garantir qualidade no atendimento aos clientes.

A empresa possui uma linha de sucos que partem dessa premissa. Os produtos não contém adição de açúcares, conservantes e é 100% natural. Além disso, é um produto antioxidante. De acordo com Eilon Schreiber, da Kalena Foods, a comercialização do suco de romã é feita por acreditar no produto. “Acreditamos que os sucos funcionais trazem um diferencial no que existe no mercado hoje, e porque o suco de romã da Dewlands é muito gostoso”, explica.

Através da marca Dewlands, a Kalena Foods comercializa os sucos de romã, cranberry, lichia, frutas vermelhas e ameixa seca. De acordo com Eilon, as vantagens de consumir o suco são muitas, variando pelas características de não ter conservantes, nem a adição de açúcares. Todo o suco é feito com 100% da fruta. O fornecedor de frutas precisa estar adequado a essas regras.

Eilon conta que a produção do suco de romã não é tão fácil quanto parece. “É difícil pela fruta ter muitos caroços, mas a Kalena apenas importa o produto”, conta. Para ele, ainda não há tantos consumidores para o suco de romã, mas é só uma questão de tempo.

Para Eilon, é esperado bons resultados nessa categoria para o próximo ano. “Esperamos o aumento ou manutenção das vendas. Percebemos que houve um movimento sobre o consumo dos produtos à base de romã por ser extremamente antioxidante”, ressalta.

Tipos de romãs

São encontrados dois tipos de romãs diferentes. O primeiro, que é mais difícil de ser encontrado no Brasil, possui coloração vermelha, grande quantidade de sementes e uma pequena parte carnosa amarela. Já o segundo tipo de romã é amarelo, possui poucas sementes e uma grande parte carnosa. Esse segundo tipo é mais predominante em nossas terras.

Quanto à parte nutricional, existe apenas uma diferença crucial. A romã vermelha possui uma grande quantidade de ácido elágico.

A romã é uma fruta tradicional no Oriente Médio e ganhou ainda mais fama quando os gregos passaram a associar a fruta como sinônimo de amor, virilidade e fecundidade. Na mitologia grega, a romãzeira é considerada a árvore consagrada por Afrodite, deusa do amor.

Além disso, a romã é considerada a fruta da sorte. Porém, não se sabe quando esse pensamento surgiu. Alguns pesquisadores acreditam que, talvez, esteja ligado à propriedade da fruta, que possui sementes em abundância.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

1 × 5 =