Entrevista nutricionista Patrícia Davidson

Nessa nova editoria da Food Service News, uma das nutricionistas mais famosas do Brasil, Patrícia Davidson, concedeu uma entrevista exclusiva para a revista

0

Patrícia Davidson Haiat é uma das nutricionistas mais famosas do Brasil. Ela é conhecida pela técnica de nutrição funcional, que propõe uma dieta baseada nas características de cada paciente. No seu currículo, ela conta com personalidades em seu consultório como Paolla Oliveira, Bruna Marquezine, Alexandre Nero, Sabrina Sato, Giovanna Antonneli e Fátima Bernardes. Mas a nutricionista garante que não são só celebridades que a procuram.

Um dos segredos do sucesso de Patrícia é a paixão pela profissão e a dedicação que teve com a vida escolar. A nutricionista possui um extenso currículo na área da saúde: é especialista em Nutrição Clínica Cirúrgica, pós-graduada em Nutrição Clínica Funcional e Fitoterapia Funcional, diplomada pelo Institute Of Functional Medicine, nos Estados Unidos, onde também faz parte do hall de membros.

“Sou filha de um pai muito rígido em relação a notas e estudo. O meu valor como pessoa era, entre outras coisas, medido pelo meu desempenho como aluna. Claro que, com esse tipo de pressão em casa, a gente aprende e gosta de estudar. No ano de vestibular, tive muitas dúvidas sobre o que fazer, justamente por ser ótima aluna em várias disciplinas. Fiz uma orientação vocacional durante alguns meses com uma psicóloga e ela apontou minha aptidão em ser nutricionista. Depois disso, nunca mais abandonei a ideia, sempre achei que eu só daria para isso mesmo. Não trocaria minha profissão por nada! Eu fazia estágios deste o 4° período da faculdade durante as férias. Fui bolsista de hospitais a partir de provas que fiz ainda como aluna, ou seja, sempre busquei um espaço”, ressalta.

O esforço de Patrícia deu certo: além de formada em Medicina Chinesa, Medicina Funcional e Exames
Laboratoriais e Ortomoleculares, a profissional compartilhou seu conhecimento com os alunos da UERJ (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), sendo professora de Terapia Nutricional. Embora a experiência tenha sido muito produtiva para a profissional, ela decidiu focar em seu consultório de nutrição, ajudando pessoas a cuidarem melhor de sua saúde.

O método seguido por Patricia é chamado de Nutrição Funcional, em que cada paciente é orientado a seguir um determinado tipo de alimentação, baseado em suas necessidades. Ela explica um pouco mais sobre como isso ocorre. “O nosso organismo é formado por trilhões de células com necessidades específicas de nutrientes em doses variáveis, de acordo com as características genéticas individuais. Através da Nutrição Funcional, é possível identificar sintomas e características de cada paciente e relacioná-los a situações de carência ou excesso de determinados nutrientes. Com planos alimentares exclusivos, que vão auxiliar o organismo a funcionar plenamente, aumentando o bem-estar geral dos pacientes”, conta.

Com a nutrição funcional, o resultado vai além de um corpo bonito: há um corpo saudável. A proposta desse método é prevenir determinadas doenças ou carências vitamínicas, que se diferenciam de um corpo para outro. Muitas vezes, algumas características hereditárias podem ser detectadas através de exames, que também estão disponíveis na clínica de Patrícia.

“Cada organismo funciona de uma forma diferente, assim como o metabolismo. Por isso, antes de elaborar qualquer plano alimentar, fazemos um levantamento metabólico profundo e uma pesquisa no histórico de saúde de pessoa, para que a alimentação seja o mais certeira possível. Além disso, ainda contamos na clínica com exames de ponta que interpretam a genética de cada um”, explica.

Como a maioria das profissões, há sempre alguns desafios para fazer um bom trabalho. Para os nutricionistas existe uma grande responsabilidade para tratar da saúde dos pacientes e de sua rotina alimentar. “Trabalhar com nutrição é um desafio, pois lida com hábitos que as pessoas carregam há muito tempo, mas também tem o poder de transformar a qualidade de vida das pessoas, pois com uma boa alimentação, não há quem não durma melhor e tenha mais disposição, além de ter menos riscos de contrair doenças crônicas”, conta.

Patrícia considera que a forma de cada pessoa emagrecer é diferente, levando em conta o metabolismo e o organismo. É exatamente por isso que ela não recomenda o uso de dietas que estão na moda, pois podem não funcionar tão bem para algumas pessoas e até trazer consequências negativas para a saúde. “Nós não recomendamos nenhuma dieta padrão, pois trabalhamos com a necessidade real do corpo de cada pessoa que passa por aqui. Eu posso ter necessidade de mais cálcio, você de mais ferro e outra pessoa de vitaminas variadas. É diante de cada detalhe e cada carência específica que nós elaboramos uma alimentação estratégica para os nossos clientes”, afirma.

Na clínica de Patrícia são oferecidos diversos outros serviços, além da consulta e acompanhamento de nutricionista. Alguns exames são oferecidos, como o de Mapeamento Genético, de Intolerância Alimentar e, até mesmo, de Hormônio Salivar, em que é possível monitorar hormônios esteroides e propor um equilíbrio hormonal. Também são oferecidos serviços mais requintados, como o “Chef em Casa”, onde o profissional vai até a casa do cliente para ensinar algumas receitas indicadas para a dieta.

A busca por uma vida mais saudável tem sido uma tendência nos últimos anos. Os estabelecimentos de alimentação podem ficar de olho nesse tema, é o que afirma o Instituto Euromonitor. Por se tratar de um mercado em expansão e, também, bilionário, dados da entidade afirmam que, no Brasil, esse mercado tem o potencial de mais de R$ 40 bilhões. Essa tem sido uma das principais queixas das pessoas quando chegam ao consultório nutricional.

De acordo com Patrícia, as pessoas têm se conscientizado mais quanto ao uso de alimentos a seu favor. “Acredito que estamos num momento de transição de consciência, em que as pessoas passaram a se preocupar com a prevenção de doenças e não com o tratamento tardio delas e, uma alimentação inteligente é, sem dúvidas, a protagonista nesse processo”, diz.

Para as cozinhas industriais, a nutricionista acredita que a solução é oferecer produtos mais naturais aos clientes. Patrícia sugere que sejam adicionados ao cardápio alimentos orgânicos, como é o caso do frango, já presente em muitos lugares. Outra opção são os ingredientes ricos nutricionalmente, que oferecem diversos benefícios à saúde. Como exemplo está a quinoa e o grão-de-bico, que são opções versáteis para os restaurantes.

Para quem deseja seguir uma alimentação mais saudável, algumas mudanças podem fazer uma grande diferença na saúde. Para Patrícia, é necessário consumir o mínimo possível de alimentos industrializados e reduzir a quantidade ingerida de sal e açúcar. Além disso, é preciso ter cuidado ao lavar frutas e verduras, oferecendo maior segurança alimentar. Outra sugestão é não esquecer da hidratação, através de líquidos durante todo o dia.

Patrícia Davidson atende em Ipanema, no Rio de Janeiro, com o apoio de profissionais de diversas áreas. A nutricionista deixa um conselho para quem deseja melhorar sua alimentação. “Aproveitem cada mais o que a natureza nos dá de presente em nossa alimentação, para pararmos de entrar em farmácias com tanta frequência!”, finaliza.

nutricionista

Nutrição Funcional x Alimentos Funcionais

A nutrição funcional surgiu por volta dos anos 80, no Japão, e já possui diversos adeptos em todo o mundo. O método funciona principalmente para oferecer mais vitalidade ao corpo, de forma saudável, através de uma alimentação focada nas características de cada pessoa.

Pensando nisso, a nutrição funcional precisa fazer exames que pesquisem quais são as necessidades alimentícias de cada indivíduo. Embora muita gente confunda, a Nutrição Funcional não tem o mesmo significado que os Alimentos Funcionais, embora tratem de temas comuns.

Alimentos Funcionais são aqueles que oferecem diversos benefícios à saúde, se consumidos com frequência. Encontra-se nesse grupo, por exemplo, o alho, que pode diminuir a pressão arterial e combater os níveis de colesterol. Já os peixes têm o poder de prevenção às doenças cardiovasculares.

Basicamente, a nutrição funcional une o que o alimento pode fazer de melhor em nosso corpo, de acordo com o que ele realmente necessita. Esse método pode também ser utilizado no emagrecimento, prezando principalmente a saúde e bem-estar do indivíduo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

3 + 3 =