Doces Ganhos

0

O brigadeiro é praticamente uma paixão nacional. A receita dele é simples e prática. Além disso, o tradicional docinho de festa pode se tornar gourmet.
O brigadeiro gourmet é uma versão sofisticada, cujos ingredientes são mais finos. Um exemplo é que, ao invés de ser usado o achocolatado, é utilizado o chocolate; a margarina é substituída pela manteiga. O leite condensado é indispensável em ambos. O sucesso dessa invenção é tão grande que muitas empresas vêm apostando nessas receitas.

Matéria-prima

A Cargill trabalha com a produção de cacau desde 1980. A inauguração da fábrica de Porto Ferreira – interior de São Paulo -, em 2007, marcou a entrada da empresa no mercado de chocolates, e a linha Genuine foi um dos produtos que entraram no mix de produção.
O brigadeiro gourmet não usa achocolatado e, sim, chocolate. Os Chocolates Genuine, de acordo com Clarisse Barreto, gerente comercial de food service da Cargill, são uma boa opção para essa receita. “Eles não contêm adição de gorduras vegetais alternativas e são produzidos com 100% de manteiga de cacau. As variedades são: ao leite, meio amargo, branco e blend – uma mistura de chocolate ao leite e meio amargo. Por ter a manteiga de cacau como fonte exclusiva de gorduras, as melhores características de odor, sabor e textura provenientes do cacau são preservadas”, explica. Além dessa linha, Clarisse também sugere a Cobertura e as Raspas meio amargo e ao leite, para a finalização do doce “um acabamento delicado”, completa.

Conforme ressalta a gerente comercial, o brigadeiro gourmet é um produto importante para o mercado e vem ganhando cada vez mais espaço. Um dos motivos que ela aponta para o sucesso dessa guloseima são as variedades de sabor, o uso de ingredientes de alta qualidade e a sofisticação. “Eles se destacam na decoração das festas e são ótimas opções de presente”, diz.
O chocolate é um alimento sensível, por isso, uma das dicas de Clarisse é não deixá-lo perto de produtos que tenham cheiro forte. Outro cuidado ressaltado por ela é a conservação. Esse alimento deve ser mantido em local fechado e fresco.

Formando profissionais

O Senac, ao ver o aumento de lojas especializadas em brigadeiros gourmet, introduziu um curso específico desse doce, dentro do portfólio de cursos livres. O objetivo, como conta Arthur Carrascoza Zerlotto, docente dos cursos da área de gastronomia do Senac Aclimação, é ensinar as técnicas corretas do preparo do brigadeiro gourmet.
O docente dos cursos pontua que essa é uma guloseima 100% brasileira e se orgulha disso. “É por isto que quando uma pessoa, de qualquer canto do mundo, experimenta, ela se apaixona pelo brigadeiro e vira fã”, diz.

Além de o brigadeiro gourmet se diferenciar do tradicional pelos seus ingredientes mais requintados, Zerlotto aponta também que o método de preparo é diferente. “Não levamos tudo ao fogo, para mantermos o aroma e sabor original do chocolate”, explica.

De acordo com o docente, os cursos contam sempre com turmas com o número máximo de alunos, e a procura por essas aulas tem crescido. O perfil dos alunos vai desde pessoas que querem aprender para o consumo doméstico até àqueles que querem usar esse doce como fonte de renda. “Mostramos as técnicas de aromatizar e saborizar, formatos, decorações, tipos de ponto do brigadeiro e suas aplicações e , ainda, como podemos evitar a cristalização, mais conhecida como açucarar”, conta. “O mundo dos brigadeiros é muito grande, vai de cada aluno, depois do curso, fazer e inventar um sabor exótico e diferente para que possa se destacar no mercado”, finaliza.

Ajuda na confeitaria

A Mavalério possui um CTC – Centro Técnico Culinário. Neste local, os chefs da empresa desenvolvem receitas com os produtos Mavalério e organizam treinamentos de capacitação para os culinaristas da própria empresa. Também oferecem alguns cursos abertos ao público. A companhia possui cerca de 60 culinaristas.
Além disso, em parceria com estabelecimentos que comercializam a linha de produtos da empresa e que possuem espaço adequado para aulas, são ministrados cursos pelos culinaristas. Os endereços são divulgados no site da Mavalério e a companhia ressalta que os valores dessas aulas são decididos nos locais, sem interferência deles.

O chef de confeitaria e panificação e também consultor técnico da Mavalério, Eduardo Beltrane, já ministra treinamentos para os consumidores há sete anos. Entre as diversas receitas que ele ensina, o brigadeiro gourmet faz parte. “Com o passar dos dias, as receitas vão ganhando mais força e, com isso, temos que desenvolver também pratos novos e exóticos, com aromas e nova roupagem”, diz.
Entre os produtos da companhia que ajudam na fabricação desse doce, estão: Chocolates em Pó 32% e 50% de Cacau; Cacau em Pó, Açúcares Coloridos Mil Cores; Açúcar de Confeiteiro Snow Sugar; Linha Choco Power Ball; Flocos Macios Sabor Chocolate Mil Cores; entre outros.

O controle de qualidade é um dos pontos que a empresa preza. Beltrane afirma que um produto e receita só chegam nas mãos dos clientes após a aprovação dos profissionais do Centro Técnico. “Hoje em dia, muita gente faz renda e sustenta a família por meio do brigadeiro gourmet. Uma venda bem feita e com bons produtos, com certeza, fará o cliente comprar novamente. Para uma venda ser completa, além da qualidade, é necessária uma boa apresentação através de uma bela embalagem, fazendo com que desperte aquela vontade de comer um doce maravilhoso”, finaliza o chef.

Expansão nos negócios

A Brigadeiro Gourmet está no mercado desde 2008 e, desde então, teve um notável crescimento. Os brigadeiros tradicionais, conforme ressalta João Carvalho, consultor de marketing da Brigadeiro Gourmet, são feitos sempre com a mesma receita de chocolate ao leite, leite condensado e granulado. “O gourmet tem várias opções não só do ‘interior’ do brigadeiro, como chocolate ao leite, chocolate amargo e cacau. E tem diversas decorações, não só com raspas de chocolate, mas pode ser pistache, amêndoa, caramelo etc”, diz. A empresa possui mais de 80 brigadeiros diferentes. Entre as encomendas, estão as destinadas a festa e eventos.

De acordo com Carvalho, a procura pelo produto é constante e a companhia busca sempre desenvolver novos sabores e opções. Além disso, valorizar a opinião do cliente é um dos pontos que ele ressalta como sendo uma das chaves para inovação, pois os consumidores dão o feedbak e também sugerem novas ideias.
São muitos os cuidados na hora da fabricação. O consultor ressalta que é preciso uma boa higienização do local, roupas apropriadas e uma ventilação adequada para não misturar com outros cheiros. “Na armazenagem, o cuidado é imenso. Já nos perguntaram várias vezes por que não enviamos por correio ou SEDEX, e a resposta é que não temos como controlar a forma como irão ser manuseados”, relata.
A empresa, entre seus planos, tem o de abrir uma loja fixa, mas antes disso está realizando estudos para encontrar o melhor local. Outro caminho que está sendo analisado pela Brigadeiro Gourmet é a possível expansão internacional.

Experiência indispensável

O Leite MOÇA Nestlé é um dos produtos tradicionais da Nestlé e já está presente no mercado desde 1921. Sua popularidade fez com que ele virasse sinônimo do próprio leite condensado.
De acordo com Patrick Alan Traelnes, diretor da Nestlé Professional, o cliente quando compra o Leite MOÇA já sabe que está levando um item que fará com que seu prato seja de qualidade. “Qualquer receita doce fica uma delícia com esse ingrediente clássico da culinária brasileira, obtido a partir da condensação do leite fresco”, diz.

A Nestlé Professional, segundo o diretor, cresceu cerca de 40% nos últimos três anos, “em linha com o crescimento do mercado”, completa. Ele ressalta, também, que esses itens voltados para alimentação fora do lar foram pensados para oferecer as melhores soluções para o operador e para encantar os consumidores finais.
O mercado food service é abastecido com embalagens de Leite MOÇA tetra pack de 1,3kg, com bag de 5kg e lata de 2,6kg.
“Nosso desafio é reforçar a presença da marca MOÇA nos clientes transformadores, seja através do tradicional Leite Condensado MOÇA ou de nossas Soluções MOÇA (linha de Docinhos, Recheios e Coberturas) com os quais entregamos produtos de alto valor agregado, que realmente eliminam etapas no preparo, com alta qualidade, praticidade e padronização”, afirma Patrick.
O principal público que procura pelo famoso Leite MOÇA, como afirma o diretor, são os transformadores, como, por exemplo, as brigaderias, confeitarias, indústrias de tortas, entre outros.

Senac
www.sp.senac.br
Nestlé Professional
www.nestleprofessional.com
Cargill
www.cargill.com.br
Brigadeiro Gourmet
www.brigadeirogourmet.com.br
mavalério
www.mavalerio.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

onze − 3 =