Cultivando relacionamentos

0

A festa da Nossa Senhora da Achiropita ou Festa da Querupita completou sua 87ª edição no mês de agosto. O evento acontece aos finais de semana, no bairro do Bixiga, em São Paulo. A programação deste ano teve início no dia 3 de agosto e foi até 1 de setembro. Milhares de pessoas participam da comemoração, que conta com mais de 950 voluntários.

A festa é uma homenagem da comunidade italiana à padroeira do bairro do Bixiga. “A devoção dos imigrantes italianos foi contagiando todo o bairro e hoje se tornou um símbolo de fé, alegria e solidariedade, estendendo-se a toda cidade de São Paulo, atraindo caravanas do interior do estado e até de outros estados do Brasil”, afirmam Miguel Gomes e Monica Maria Conte, do departamento de relações públicas da festa.

Os visitantes apreciaram comidas típicas italianas em vários ambientes. Um deles foi a cantina, que fica na parte interna. “Mesão com deliciosos pratos frios e quentes, preparados carinhosamente pelas ‘mamas’ da nossa cozinha, desde as terças-feiras, em todas as semanas da festa”, declaram os responsáveis pelo departamento de relações públicas da festa. Eles acrescentam também que há música italiana ao vivo, danças, leilões e sorteio de brindes. Alguns dos pratos servidos são o spaghetti à moda Achiropita, sardela, fogazza e o peperoni. Já no outro ambiente, que fica na parte externa, são instaladas 30 barracas de alimentação, localizadas nas ruas 13 de Maio, São Vicente e Doutor Luiz Barreto. “O público pode deliciar-se com vários pratos típicos italianos como fogazzas, fricazzas, polentas… Diversos tipos de doces, inclusive os típicos italianos. Tem ainda a barraca de brinquedos para as crianças. Temos vinho, chopp e refrigerante”, descrevem. Para o preparo das fogazzas são destinadas cerca de 200 pessoas. Por noite, de acordo com os organizadores, são consumidas aproximadamente 12 mil fogazzas.

Além da homenagem à Nossa Senhora da Achiropita, o dinheiro arrecadado no evento é revertido para a manutenção de obras sociais da igreja da padroeira, que fica no Bixiga. Dentre essas obras, está o centro Educacional Dom Orione (C.E.D.O), que atende aproximadamente 430 crianças e adolescentes na faixa etária de 07 a 17 anos, pertencentes a famílias de baixa renda do bairro do Bixiga. “Fornecemos café da manhã, almoço e lanche, lazer, reforço escolar, acompanhamento psicológico, curso de digitação, informática e iniciação profissionalizante. Atividades com instrumentos de orquestra, percussão, teclado, canto e danças, esportes em geral, artesanato, artes plásticas, jogos de mesa (especialmente xadrez), formação básica de socorristas mirins, cultura religiosa, recreação, grupo de autoconhecimento etc. Outro trabalho fundamental de nosso projeto é o encaminhamento para o programa Jovem Aprendiz em empresas, para adolescentes dos 15 aos 17 anos”, afirmam os dois colaboradores do departamento de relações públicas. Segundo ambos, várias empresas estão cadastradas nesse projeto empregatício e cerca de 70 adolescentes já estão estagiando.

Outros projetos que são ajudados com a renda da festa é o Mova – programa de alfabetização de adultos -, a Casa Dom Orione – oferece assistência a pessoas na terceira idade, com atividades de lazer, passeios, artesanatos etc; a Creche Mãe Achiropita – atende em período integral cerca de 200 crianças de 0 a 4 anos -, e o Espaço Social – neste local acontece a Divina Providêcia, em que a população de rua pode tomar banho, lavar roupa, tomar café da manhã e almoço. Além disso, são oferecidos para essas pessoas vários trabalhos assistenciais.

Alguns dos destaques da festividade foram a Novena à Nossa Senhora (06 a 14 de agosto), a missa solene – com a coroação de Nossa Senhora Achiropita (15 de agosto)- e a procissão em louvor à Nossa Senhora pelo bairro, que contou com uma homenagem dos alunos do Centro Educacional Dom Orione – CEDO, por meio da confecção do tapete artístico de serragem e material reciclado (18 de agosto).

Mais de 10 anos de parceria

Dentre os patrocinadores, estava a Brasil Kirin. A empresa participou dando apoio estrutural, de equipamentos e também produtos da Schin. “Temos um analista que atua diretamente e trabalha junto à organização, auxiliando também o planejamento da festa”, afirma Leandro Flink, coordenador de eventos da Uneg São Paulo.

A companhia já participa da festa há 12 anos. Segundo Flink, a empresa também está presente em outras festividades da colônia italiana como a festa de São Vito, Casaluce e São Gennaro.
“A Brasil Kirin acredita na atuação em eventos de grande, médio e pequeno porte. É nítida a evolução da parceria. Contribuímos para tornar a festa o que ela é hoje, com público crescente, proporcionando muita diversão para as famílias e, acima de tudo, experiência com nossos produtos”, explica. “Temos grande visibilidade durante a festa, mídia na TV, redes sociais e, ainda, divulgação na rádio. Todo trabalho é feito por meio de voluntários e a renda é destinada a projetos sociais”, finaliza Flink.

Colaboração e visibilidade

A Selmi já está há 125 anos no mercado e possui duas unidades de produção, em Sumaré e em Londrina. A empresa, que já participa das festividades há três anos, também patrocinou a 87ª festa da Nossa Senhora da Achiropita, com as marcas Renata e Renata Superiore.
“A Selmi sabe da importância que a festa da Achiropita tem para as obras sociais da cidade de São Paulo e faz questão de participar de projetos e eventos que contribuem para melhorar a condição de vida das pessoas. É um prazer para nós realizar as doações porque sabemos que instituições sérias revertem para causas de responsabilidade social”, afirma Ricardo Selmi, presidente da empresa.

A participação da Selmi no evento teve início por meio de um convite e, segundo Marcelo Guimarães, diretor comercial da empresa, foi um grande prazer fazer parte de uma das maiores festa italianas da cidade de São Paulo, “já que a Selmi tem um nicho na Itália. Tudo isso é história para gente”, completa.

“Não existe retorno direto e nem queremos isso, nosso objetivo é estar próximo do consumidor”,  afirma o diretor. Ele pondera, também, que a mídia faz um boa cobertura da festa, o que ajuda na veiculação da marca.

Nesta 87ª edição, a companhia doou 17 mil quilos de farinha de trigo e mais de 12 mil quilos de macarrão da marca Renata. Os produtos foram utilizados no preparo de pratos que foram vendidos nos dias do evento.

Paróquia Nossa Senhora Achiropita
www.achiropita.org.br
Brasil Sckin
www.brasilkirin.com.br
Selmi
www.selmi.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

3 × cinco =