Crise hídrica expõe problemas

0

A crise hídrica enfrentada pelo país, que interfere no fornecimento de água e energia elétrica, expõe problemas nos estabelecimentos para lidar com a crise. Para Luiz Barretto, presidente do Sebrae, esse tema alerta as empresas quanto a importância da sustentabilidade.

Esse problema atinge principalmente o Sudeste, onde estão 51% das PMEs. Alguns setores sofrem mais que outros, como é o caso de bares, restaurantes, lavanderias e lava jatos

De acordo com a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), vê a modernização como medida para enfrentar o problema. Paulo Solmucci Jr., presidente da associação, acredita que se for adotado o rodízio de cinco dias da semana, os estabelecimentos precisaram fechar pelo menos dois dias.

No ano passado, esse setor movimentou R$ 40 bilhões, 8% a mais que em 2013. As contas de água equivalem a 10% do faturamento nesses estabelecimentos, Solmocci Jr. acredita que seja necessário um maior investimento para economizar água, como uma caixa d’água extra e o uso de maquinários que não precisem de enxágue.”A relação custo-benefício é evidente”, afirma.

Fonte: Valor Econômico Online

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezenove − 13 =