Congresso ABIA. Para avançar ainda mais

0

No dia 7 de outubro, aconteceu o 8º Congresso Internacional de Food Service, em São Paulo (SP). O evento foi promovido pela Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação (ABIA) e debateu as perspectivas do canal de Food Service. Um dos temas focados dizia respeito aos desafios relacionados ao crescimento do segmento quando se fala no cenário atual econômico. De acordo com dados da Associação, houve um avanço de 12,4% nas vendas das indústrias para a área, isso no primeiro semestre deste ano, quando comparado ao igual período do ano de 2014 (os dados relacionados a este último revelam que o setor teve alta de 13,6%, o que representa um faturamento de R$ 132,5 bilhões).

abia01

Na abertura do evento, o presidente da Abia, Edmundo Klotz, afirmou, de acordo com o site da organização, que “a indústria da alimentação gera R$ 1,6 milhão de empregos diretos e representa quase 10% do PIB do Brasil. O segmento alimentício exporta cerca de 19% do total produzido. Além disso, a alimentação fora do lar também apresenta um desempenho positivo, com crescimento de 29% entre 2004 e 2014”.

Já o diretor geral do Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital), Luis Madi, ainda de acordo com o site da organização, lembrou que no ano de 1992, o setor era responsável por 20% do faturamento da indústria de alimentos. Já no ano passado, esse número teve um aumento e foi para 32%.

O evento contou, ainda, com uma palestra intitulada “Inovação em tempos de crise”, que foi apresentada pelo diretor associado da Galunion Consultoria e Gestão, Daniel Castello. Ele afirmou que as indústrias de alimentação precisam acompanhar as tendências que estão relacionadas ao consumo, além de também necessitarem conhecer os consumidores para que, dessa forma, a oferta de produtos possa atender às necessidades deles, aquilo que, de fato, almejam. O diretor ainda falou a respeito dos momentos de crise econômica e frisou que, em ocasiões assim, pode-se também investir em inovação, trazendo diferenciação de mercado ou redução de custos.

De acordo com a Abia, participaram do 8º Congresso Internacional de Food Service, o coordenador técnico da Plataforma de Inovação Tecnológica do ITAL, Raul Amaral, o presidente da Norac do Brasil, Bertrand Chambert-Loir, o escritor e proprietário da Café Brasil, Luciano Pires, o gerente nacional do Centro de Serviço de Atendimento ao Cliente da Bunge, Luiz Farias, o vice-presidente Comercial e Maketing da CHD Expert, Brad Bloom e o fundador e presidente da The Culinary Edge e da Rede de Restaurantes Pacific Catch, Aaron Noveshen.

Sobre a ABIA

A Abia foi fundada no ano de 1963. Atualmente, representa mais de 70% do setor no que diz respeito ao valor de produção. A principal missão da Abia, segundo informações da própria associação, é a atuação, como interlocutora, das empresas associadas com instituições públicas e privadas, governo e órgãos internacionais. São vários os patrocinadores. Veja a seguir.

Forno de Minas

A Forno de Minas  Alimentos S/A é uma indústria tradicional de alimentos congelados. É também líder de mercado no que diz respeito à comercialização de pão de queijo no país. A empresa foi fundada no ano de 1990 e sua sede fica em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, possuindo 24 mil m² . A organização conta com mais de 800 colaboradores e seis filiais (Contagem, São Paulo capital, interior de São Paulo, Riode Janeiro, Curitiba e Brasília) e exporta pão de queijo para os Estados Unidos, Canadá, Portugal, Inglaterra, Chile, Uruguai e Emirados Árabes.

Bunge

A Bunge é uma das principais empresas de agronegócio e alimentos do Brasil. São cerca de  20.000 colaboradores e a organização é líder no que diz respeito à  originação de grãos e processamento de soja e trigo, na fabricação de produtos alimentícios e em serviços portuários, de acordo com informações disponibilizadas no site da própria empresa. Além disso, desde o ano de 2006, a Bunge atua no segmento de bionergia e de açúcar. A Bunge Brasil pertence à holding Bunge Limited, que foi fundada no ano de 1818, e conta com a sua sede em White Plains, Nova York, EUA.

Itambé

A Itambé conta com uma grande experiência no setor de laticínios: são mais de 65 anos. A empresa teve início como uma cooperativa de produtores rurais. A marca Itambé surgiu como uma alusão à rua onde a sede da organização foi instalada e hoje está até os dias atuais. De acordo com informações da própria Itambé, ela procura, de uma maneira constante, ser uma referência tanto no mercado lácteo nacional quanto no mercado lácteo internacional, em qualidade, processos e também em sabores.

Mr Bey

O  Grupo Mr. Bey Alimentos foi criado no ano de 2013 e agrega as marcas  Mr. Bey Sobremesas Premium e Alibey. A Mr. Bey Sobremesas Premium foi criada no ano de 2005 e é especializada em oferecer sobremesas que são diferenciadas. Já a Alibey foi fundada no ano de 1998 e se dedica a produzir alimentis caracterizados pela alta qualidade e também por serem saudáveis, de acordo com informações da empresa. A Mr. Bey Alimentos está presente em 19 estados do Brasil e conta com mais de 5000 mil clientes ativos. Possui estruturas sediadas nas cidades de Campinas e também de São Paulo e tem uma estrutura fabril de 4.685 m².

Nestlé Professional

A Nestlé Professional foi criada com o intuito de atender o mercado de alimentação fora do lar. A marca possui uma experiência culinária consistente e conta também com a maior rede de Pesquisas & Desenvolvimento da indústria de alimentos e bebidas de todo o mundo. Atua no Brasil desde o ano de 1976. De acordo com informações da própria organização, a área tem como objetivo a entrega de soluções culinárias que sejam marcadas pela qualidade e que geram padronização e mais eficiência nas cozinhas, além de se posicionar como parceira comercial e gastronômica de restaurantes, rotisseries, padarias, confeitarias, lojas de conveniência, além de pontos localizados em hospitais e empresas.

Brasil Kirin

Brasil Kirin, subsidiária do grupo global Kirin Holdings Company, é uma das principais empresas de bebidas do país, com 13 fábricas em 11 estados e mais de 11 mil funcionários. Suas marcas são distribuídas por 25 centros próprios e mais de 213 revendas para cerca de 600 mil pontos de venda em todo o Brasil. Seu vasto portfólio de bebidas inclui cervejas, refrigerantes, sucos, energéticos e águas das marcas Schin, Nova Schin, Schin no Grau, Devassa, Baden Baden, Eisenbahn, Kirin Ichiban, Cintra, Glacial, Água Schin, Fibz, Ecco!, Schin Refrigerantes, Schin Tônica, Itubaína, Mini Schin, Fruthos e Skinka.
Seguindo padrões mundiais de excelência em manufatura, a companhia desenvolve ações que privilegiam o cuidado e a continuidade dos recursos naturais. A Brasil Kirin é a empresa de bebidas mais premiada do país na metodologia de gestão TPM (Total Productive Maintenance).
A Kirin Holdings Company é um grupo global com mais de 46 mil funcionários, presente em mais de 15 países, segundo informações disponibilizadas pela própria empresa.

Camil

As atividades da Camil foram iniciadas no ano de 1963, sob a forma da Cooperativa Agrícola Mista Itaquiense Ltda., em um armazém na Cidade de Itaqui, no Estado do Rio Grande do Sul. Já no ano de 1974, de uma forma pioneira no setor, a empresa passou a distribuir arroz em embalagens plásticas de 5kg. A Camil tem, atualmente, 12 plantas produtivas no país, além de possuir, ainda, 9 plantas produtivas no Uruguai e também 4 no Chile.

Gomes da Costa

A Gomes da Costa foi fundada no ano de 1954 por Rubem Gomes da Costa, um imigrante português. No ano de 2004, o grupo espanhol Calvo adquiriu a marca. Já no ano de 2005, as embalagens da Gomes da Costa, de acordo com informações contidas no site da empresa, ganharam um visual não somente mais moderno, como também mais bonito. A empresa contou com uma inovação quando nas latinhas de atum a tampa abre fácil, o que trouxe mais segurança e também mais praticidade para os produtos.

Marcomar

A Marcomar é, hoje, uma das principais importadoras e distribuidoras de pescados do Brasil e se dedica, há mais de 14 anos, ao fornecimento de peixes e frutos do mar, tanto nacionais quanto importados. A empresa caracteriza-se por um atendimento que é personalizado e tem mais de 5 mil clientes em carteira. Entre esses clientes estão redes de fast-food, hotéis, restaurantes, supermercado e distribuidores especializados. A empresa faz a distribuição e comercializa, por ano, aproximadamente oito mil toneladas de produtos entre peixes frescos, peixes congelados e frutos do mar, de acordo com dados que constam no site da organização.

Ajinomoto

A Ajinomoto é uma empresa global de alimentos, que foi fundada noa no de 1909. Já a Ajinomoto Food Service, que é a divisão de produtos para profissionais, foi criada no ano de 2005, com o objetivo de superar as suas expectativas profissionais por meio de soluções que tornam o preparo mais fácil, além de aprimorarem o rendimento dos alimentos, a aparência e o sabor, conforme informações que constam no site oficial da marca. “Acreditamos que a proximidade e o compartilhamento das nossas experiências são essenciais para o desenvolvimento dos nossos produtos e do seu negócio”, informa a Ajinomoto.

Bem Brasil

A Bem Brasil foi fundada no ano de 2016, na cidade de Araxá, localizada no estado de Minas Gerais. Contando com um investimento de R$ 50 milhões. É uma empresa 100% brasileira de batata pré-frita congelada e flocos desidratados de batata. Hoje, a marca conta com uma produção de mais de 100 mil toneladas anuais de batata pré-frita congelada e, de acordo com o site oficial da organização, ocupa a liderança de mercado entre as fabricantes nacionais, além de ser, ainda, uma das marcas mais consumidas do Brasil.

Sealed Air

A Sealed Air, de acordo com informações disponibilizadas no site da própria empresa, não vende somente produtos. Segundo a organização, ela oferece soluções que são feitas sob medida para os clientes, baseada no conhecimento apoiado por milhares de cientistas, engenheiros, equipamentos, aplicação e especialistas da indústria e laboratórios.

Vemplast

A Vemplast está presente no mercado desde o ano de 2009 e é especializada no desenvolvimento de produtos para o setor de cozinhas industriais, decorações e também utilidades domésticas. A empresa trabalha com um design que é diferenciado, aposta na praticidade das suas ideias e está sempre preocupada em estar à frente com novos conceitos e tendências, segundo a própria organização.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

dezenove − oito =