Chef Alex Atala e Casa Petra firmam parceria

0

De um lado, Alex Atala, o chef mais premiado do país e reconhecido em todo o mundo. De outro, a Casa Petra, o espaço de eventos mais inovador e respeitado do Brasil. A união desses dois grandes nomes resultou no 7 Gastronomia, um buffet que oferece a sofisticação e a delicadeza da alta gastronomia brasileira em eventos de diversos perfis, de casamentos a reuniões corporativas.

Às vésperas de completar dez anos e reconhecida como um ícone quando se trata de eventos premium, a Casa Petra, espaço localizado em São Paulo com 6.300 m2, sempre se comprometeu com a excelência e com um olhar para as reais necessidades dos clientes. Nesse contexto, Luciano Martins, Fábio Mattar e Daniela Martins, sócios da casa, sentiam a necessidade de oferecer um serviço completo, com uma possibilidade de buffet criado com o DNA de sofisticação, criatividade e versatilidade que são marcas registradas do espaço de eventos, proporcionando uma experiência aos convidados.

Por outro lado, o Grupo D.O.M. encontra-se em um momento de consolidação como uma das principais referências do mercado gastronômico brasileiro. Para além do comando do premiado chef Alex Atala, o mérito do grupo é apresentar uma cozinha de vanguarda, que valoriza os sabores e ingredientes brasileiros, sempre sob a ótica da sustentabilidade. Com a limitação de suas casas para eventos de grande porte, buscou um espaço que estivesse alinhado com sua proposta de proporcionar uma experiência única e exclusiva aos clientes.

Do encontro, nasce uma solução para eventos focada na gastronomia brasileira de alto padrão: o 7 Gastronomia. O projeto dos quatro empresários traz novas perspectivas para o setor de eventos, com uma dinâmica diferente para os serviços, sem perder a qualidade técnica dos pratos que serão produzidos, armazenados e finalizados no local do evento, oferecendo comodidade e eficiência para o cliente.

Festa, comida e natureza

Muitas vezes esquecidas pelas empresas de eventos, questões críticas ligadas à sustentabilidade como o desperdício de alimentos e o uso de ingredientes locais e de pequenos produtores são preocupações que permeiam todo o projeto do 7 Gastronomia. Da criação dos menus oferecidos aos clientes às adaptações das receitas, tudo é pensado de forma a minimizar o desperdício, o aproveitamento integral dos alimentos e a emissão de carbono com ingredientes vindos de longas distâncias. A escolha por produtos brasileiros muitas vezes desconhecidos e desvalorizados também busca contribuir para a subsistência de pequenos produtores rurais e comunidades carentes.

Inovação e versatilidade

Além do olhar voltado para a cadeia produtiva do alimento e para o impacto que grandes eventos podem ter na natureza, o 7 Gastronomia tem como algumas de suas marcas a inovação e a possibilidade de se adequar a diferentes expectativas.

Um dos destaques aparece nos cardápios que podem ser contratados, o serviço À la Cloche. Essa opção, que lembra o serviço de um restaurante, em que o convidado pode fazer seu pedido aos garçons a qualquer momento da festa, propõe uma adequação maior à necessidade de cada pessoa, da que prefere não comer canapés e ir direto ao prato, da que prefere começar pelos canapés e depois provar itens frios em uma ilha, das que não estão com muita fome e querem apenas um prato leve mais ao final da festa. Trata-se de uma modalidade única no mercado paulistano, fazendo com que os convidados se sintam confortáveis para escolher quando e quantas vezes quiserem o prato que irão degustar, sem, no entanto, resultar em grandes desperdícios.

Outro grande diferencial do 7 Gastronomia são as Ilhas Gourmet. Em um espaço disposto estrategicamente pela equipe, é possível organizar uma Ilha de Fettuccine de Palmito Pupunha, uma das marcas do trabalho do chef Alex Atala e que ganhou destaque em diversos restaurantes do país por ser mais leve e intrigante que o clássico, preparado com farinha, e também por ser sem glúten. Outra possibilidade de Ilha gourmet é a especial para Sorvetes Artesanais de Fabricação Própria, apresentados em sabores clássicos e inovadores, como tapioca, uísque, cajá, goiabada com pimenta rosa, café, entre outras.

Sob a supervisão de Alex Atala, o jovem talento Mauro Sierro será o chef de cuisine responsável pelo 7 Gastronomia, ao lado de uma equipe especializada de profissionais para proporcionar o melhor e mais emocionante evento aos clientes

Chef Alex Atala
O 7 Gastronomia tem como algumas de suas marcas a inovação e a possibilidade de se adequar a diferentes expectativas

Sobre a Casa Petra

Mais do que um espaço de eventos, a Casa Petra oferece uma experiência única e exclusiva para eventos de 10 a 1.200 convidados. Do atendimento personalizado, oferecido por toda equipe da Casa, aos 6.300 m² muito bem distribuídos entre cinco espaços (Pátio, Térreo, Mezanino, Átrio e Terraço) salas e suítes. Todos os andares possuem infraestrutura completa (elevadores exclusivos, tecnologia avançada de som, vídeo e iluminação e sistema de ar-condicionado central), acessibilidade para deficientes, estacionamento interno coberto com acessos independentes e área para serviço de valet. Com localização privilegiada, próxima ao Parque Ibirapuera e ao Aeroporto de Congonhas, a Casa Petra caracteriza-se como um espaço versátil e adequado para reuniões corporativas e sociais.

Sobre os sócios da Casa Petra

Os três sócios à frente da Casa Petra, Luciano Martins, Fábio Mattar e Daniela Martins são reconhecidos pela história de bastante sucesso e inovação no segmento de eventos. Fábio Mattar e Luciano Martins são proprietários também da 1-18 Project, uma das mais conceituadas empresas de cenografia com atuação mundial e vasto expertise na produção de eventos. A experiência profissional do trio atrelada às especializações na França, Londres e Nova York, trouxe um grande profissionalismo ao segmento, conquistando o reconhecimento do mercado e dos clientes.

Sobre Alex Atala

Alex Atala, chef e proprietário do D.O.M. Restaurante, é reconhecido por uma cozinha inovadora. O trabalho desenvolvido durante sua carreira pela valorização dos ingredientes, cores e sabores de todo o Brasil chamou a atenção dos críticos, colecionando prêmios nacionais e internacionais. Em 2013, entrou para a lista das 100 personalidades mais influentes da “Revista Time”. Há dez anos, o D.O.M. está na lista dos 50 melhores restaurantes do mundo da “Restaurant Magazine”, publicação inglesa de grande prestígio, ocupando, atualmente, o nono lugar no ranking. Em 2015, tornou-se o chef brasileiro mais bem avaliado do Guia Michelin, roteiro que teve sua primeira edição no país neste ano. O D.O.M. Restaurante recebeu duas estrelas (único no país) e o Dalva e Dito, especializado em cozinha afetiva, conquistou uma estrela.

Sobre o Grupo D.O.M.

O Grupo D.O.M. é formado pelos restaurantes Dalva e Dito, D.O.M., Riviera Bar (bar e restaurante histórico, reaberto em 2013 em sociedade com o empresário Facundo Guerra) e Açougue Central (casa especializada em cortes diferenciados de carnes recém-inaugurada em sociedade com o empresário Ricardo Medrano). O empório Mercadinho Dalva e Dito, além do evento Galinhada Dalva e Dito também fazem parte das ações do grupo, que ainda conta com o Instituto ATÁ, primeira entidade brasileira a se dedicar exclusivamente à relação do homem com o alimento, iniciativa de um inédito e diverso grupo de lideranças da sociedade civil e do mundo empresarial, entre eles o chef Alex Atala.

Sobre Mauro Sierro

Apesar da aparência jovial, Mauro é dono de um currículo invejável para qualquer profissional de cozinha. Formou-se no Senac Águas de São Pedro (SP) e depois na Suíça, Bacharel em Artes Culinárias no César Ritz Colleges – Culinary Arts Academy Switzerland. Fez também extensão universitária em entremets e cakes na École Lênotre. Iniciou sua carreira em 2009, no Grande Hotel Águas de São Pedro SENAC, como cozinheiro e confeiteiro. Aos 19 anos, passou uma temporada no Relais Châteaux Castillo de Arteaga, País Basco, Espanha. No Brasil, trabalhou também no Hotel Resort Costão do Santinho. Na Suíça, além dos estudos, dedicou-se ao trabalho, ao lado de Didier de Courten, chef de cozinha do Hotel Terminus, 2 estrelas Michelin. Ao voltar ao Brasil, em 2014, atuou como subchef de cozinha no Grande Hotel Campos do Jordão SENAC e logo foi convidado pelo chef Alex Atala a chefiar o 7 Gastronomia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

9 − três =