Candies, adoçam o setor

0

A categoria de balas e gomas de mascar está presente em mais de 800.000 pontos de vendas em todo o país. Trata-se de um setor que movimenta aproximadamente R$ 12 bilhões (fonte: Euromonitor, 2014) e deste valor comercializado, segundo estimativas da Associação Brasileira da Indústria de Chocolate, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados (ABICAB), cerca de R$ 10 bilhões foram consumidos no mercado interno. Estes dados demonstram o alto potencial e o amplo canal de oportunidades para as empresas desse segmento.

Essa é uma categoria transversal, pois está presente desde a mercearia até os supermercados. O pequeno varejo – bar, padarias, lojas de conveniências etc –, por exemplo, corresponde a mais de 80% do volume, o que mostra a importância da categoria também neste canal. Por isso, a correta exposição de balas e gomas nos pontos de venda é um fator importante para potencializar vendas e atrair varejistas.

Como trata-se de uma categoria de impulso, a localização e a visibilidade são os pontos-chave para o aumento das vendas. Outra dica é agrupar os produtos por categoria, separando as balas das gomas de mascar, e organizar as marcas na horizontal, facilitando a escolha do consumidor. “Essa categoria gera um faturamento adicional para o ponto de venda, além de deixar uma excelente lucratividade”, comenta o Diretor de Vendas & Trade Marketing da Perfetti Van Melle Brasil, Antonio César Magalhães.

Onde fazer. A exposição ideal da categoria é na área do check out, ou seja, quando o consumidor finaliza sua compra e espera no caixa, ou na gôndola, junto com outros snacks como chocolates e biscoitos. “De uma forma geral, considerando tudo que uma loja oferece, especialmente as commodites, os candies ocupam pouco espaço no faturamento, porém, oferecem margens superiores à média dos itens, e isso torna essa categoria muito atrativa para os varejistas”, diz o diretor comercial da Docile, Alexandre Heineck.

O consumidor. Segundo o gerente de marketing da categoria de gomas de mascar da Mondelez Brasil, Felipe Michelotti, os consumidores primeiro decidem a categoria que buscam: gomas ou balas. Depois disso, focam em decidir a marca, sabor e depois tamanho de embalagem. Ter a gôndola organizada para facilitar esse processo é uma ferramenta que incrementa vendas.

Sazonalidade. Não existem períodos mais adequados para a venda de balas e gomas. Os produtos vendem o ano inteiro, mas existem oportunidades que se pode explorar, como é o caso do Dia das Crianças e Natal, quando existe uma maior predisposição dos consumidores em buscar estes itens. Para a Mondelez Brasil, a categoria apresenta boa performance ao decorrer do ano, mas Felipe esclarece: “o investimento deve ser constante para manter o contato com o consumidor”.

Inovação. O mercado de balas e gomas possui grande variedade de formatos, como pastilhas, drops, caramelos mastigáveis, com e sem adição de açúcar, entre outros. A oferta de itens cresceu nos últimos anos e também houve aumento no valor agregado.  As marcas estão investindo em inovação e os produtos estão mais elaborados, com embalagens mais eficientes e com variedade de sabores, formatos, cores e texturas.  Por isso, empresas como Perfetti Van Melle, Docile e Mondelez Brasil – que trazem esse fator aos seus produtos – estão se destacando no mercado.

A Perfetti van Melle começou o ano com o lançamento do Mentos Choco, bala mastigável de caramelo com recheio de chocolate com 40% cacau.  Outra novidade foi o Mentos Maçã Verde na embalagem Stick de 14 unidades, a pedido dos consumidores via mídias sociais. Com a marca Fruittella veio um sabor exclusivo – que já é sucesso de vendas: Iogurte Grego com frutas vermelhas. Já a Docile, além de repaginar a linha de balas de gelatina (agora Docile Gelatines) prepara novidades especialmente nas linhas de marshmallow e pastilhas. Já a Mondelez Brasil trouxe o Halls mini com apenas duas calorias por bala. Trata-se da versão menor de seu produto tradicional, com embalagem moderna e que cabe no bolso. O novo produto chega ao mercado nos sabores mentol, extra forte, cereja e melancia. Além disso, a empresa também lançou a plataforma Trident Verão Mix, uma edição limitada inspirada nos sabores dos sucos mais consumidos no verão: laranja com acerola, abacaxi com hortelã e frutas vermelhas. Por último, Trident investiu também em novidades na família número um em refrescância Trident Fresh com o lançamento do novo Trident Fresh Cereja Ice.

Trazer novidades para o mercado (lançamentos) ajuda a impulsionar as vendas do setor em todos os canais. “O consumidor da categoria sempre está aberto para experimentar um novo sabor ou um novo formato de produto. Investimentos em visibilidade também são responsáveis por alavancar as vendas. Trabalhar em ciclos de promoções também ajuda a acelerar as vendas, principalmente no canal supermercado”, finaliza Antonio César Magalhães, da Perfetti.

Tendências

Atenta às tendências do mercado, a marca Fruittella é a primeira a trazer o conceito iogurte grego para a categoria de balas no país. Fruittella Grego, que também contém frutas vermelhas, está disponível nos principais pontos de vendas, como supermercados, lojas de conveniência, padarias, empórios e mercearias, ao preço sugerido de R$ 1,70.

Segundo a diretora de marketing da Perfetti Van Melle, empresa detentora da marca, Elzilene de Moraes, o iogurte grego é um conceito que, no exterior, já está sendo aplicado em diversas categorias há algum tempo. “Devido ao sucesso do iogurte grego em todo o mundo, o sabor vem tomando conta das prateleiras de diversos setores e a Perfetti, que tem a inovação em seu DNA, está trazendo para os consumidores essa novidade aplicada em balas. Por isso, Fruittella Grego é a aposta do ano para a marca”, explica a executiva.

Paleta de Fruittella

Para ‘apimentar’ o principal lançamento do ano, a marca Fruittella fecha parceria com a franquia Los Paleteros, rede especializada em comércio de paletas, picolés com 120g inspirados na gastronomia mexicana, que são febre entre os consumidores brasileiros desde o ano passado. Todas as lojas da rede começaram a vender, a partir do dia 17 de abril, paletas no sabor iogurte e frutas vermelhas de Fruittella, pelo valor de R$ 9.

A parceria entre as marcas também conta com uma promoção. Na compra de duas paletas, sendo uma delas de Fruittella e uma outra de qualquer sabor – dentre as opções frutadas, cremosas, recheadas ou premium -, o consumidor ganha a nova bala. “Vamos reunir dois produtos saborosos de duas marcas de sucesso em um único local”, comenta a diretora.

A Los Paleteros conta com 78 lojas e quiosques espalhados pelas regiões Centro-Oeste, Sudeste, Sul e Nordeste do país. Apenas no ano de 2014, a rede de franquias comandada pelos sócios- fundadores Gean Chu e Gilberto Verona vendeu, em média, 10 milhões de unidades. As paletas, assim como a marca Fruittella, trazem ingredientes naturais.

A marca Fruittella é fabricada e distribuída pela Perfetti Van Melle, uma das líderes globais do mercado de candies e gomas. A empresa foi fundada em 1946, na Itália. Em 2001, uniu forças com a Van Melle da Holanda. Hoje, a companhia, com sedes na Itália (Lainate – Milão) e na Holanda (Breda), está presente em 150 países espalhados pela Europa, Américas, Ásia, África e Oriente Médio, empregando mais de 14 mil pessoas no mundo todo. No Brasil, a companhia está sediada em Vinhedo, interior de São Paulo, e emprega cerca de 500 pessoas.

A rede de franquia Los Paleteros é especializada nas autênticas paletas mexicanas, que possuem 120g e são produzidas com o que há de melhor das frutas, sem adição de conservantes ou corantes químicos. Explorando o conceito de produto saudável, a marca oferece aos consumidores 24 sabores das linhas frutadas, cremosas, recheadas e premium. A Los Paleteros está presente em nove estados brasileiros e no Distrito Federal, somando 78 unidades em operação. Os valores das paletas variam de R$7 a R$9.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

quatro + 12 =