Bélgica pede que batata frita seja Patrimônio da Humanidade

0

Por Redação FSN – 04 de dezembro de 2013

A Navefri-Unafri, União Nacional de ‘Friteiros’ da Bélgica, iniciou uma campanha para que a Unesco reconheça as populares batatas fritas (“frites”) do país como Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade.

“As cornetas dshutterstock_126834905e batata frita são mais do que um produto. Elas estão presentes em toda a Bélgica e são símbolo da nossa cultura fronteiriça entre a influência germânica e a latina”, disse Bernard Lefèvre, presidente da Navefri-Unafri, Agência Efe.

De acordo com dados da organização, 95% dos belgas consomem fritas pelo menos uma vez ao ano e dois terços consomem mensalmente. “É uma tradição legal e bem organizada presente de norte ao sul do país”, afirma Lefèvre.

A Navefri-Unafri tem o objetivo de defender os interesses dos ‘friteiros’ belgas e tem em torno de cinco mil membros. Se o pedido da União for atendido, as batatas fritas farão companhia a outros bens imateriais da Bélgica já reconhecidos pela Unesco, como os jogos de Flandres, os carnavais de Binche e Alost e a procissão da Santa Sangre de Bruges.

Fonte: Exame.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

cinco − três =