Atraso nas entregas dos pedidos: como lidar com esse desafio?

0

No cenário de alimentação fora do lar, são inúmeros os desafios que os gestores devem enfrentar no dia a dia. Garantir uma experiência positiva a uma clientela cada vez mais antenada e exigente faz com que muitos líderes repensem determinadas estratégias.

Em um estabelecimento de food service, por exemplo, a qualidade da refeição servida não é o único parâmetro para garantir um alto nível de satisfação dos clientes. É necessário também levar em consideração outros fatores, como o atendimento e a eficácia nas entregas dos pedidos.

O atraso na entrega dos pratos em um restaurante é um dos problemas que podem ocorrer com mais frequência, e não somente em períodos em que o estabelecimento se encontra mais movimentado.

Sabendo que a demora, tanto no preparo quanto no recebimento ocasiona transtornos aos clientes, cabe aos gestores se atentarem às melhores práticas do mercado para não apenas otimizar o tempo de produção, como também aprimorar a performance da equipe. Um exemplo é investir em tecnologias que auxiliam na gestão do processo de atendimento do bar, restaurante ou lanchonete.

É o caso do sistema de automação comercial, que otimiza a comunicação entre os garçons e a equipe da cozinha, permitindo o envio dos pedidos diretamente das mesas. Desse modo, otimiza-se o tempo com deslocamentos pelo espaço do estabelecimento, minimiza-se a probabilidade de erros nas comandas causados por distrações, além de permitir significativamente a ocupação com um menor espaço para se construir uma loja.

A tecnologia também proporciona funcionalidades que auxiliam os colaboradores que preparam os alimentos. Por meio da ferramenta KDS (Kitchen Display System), que disponibiliza painéis na cozinha, é possível tornar a produção e a montagem dos pratos mais rápidas. Ou seja, a partir de um tempo já estipulado para o preparo, a equipe trabalha de forma mais ágil, e o que é melhor, ainda entrega os pedidos simultaneamente à uma mesma mesa. Aqui também se estabelece o conceito de cozinhas cada vez menores para equipes cada vez mais produtivas.

Todas as estratégias citadas contribuem diretamente para mais agilidade na entrega dos pratos, agregando resultados expressivos no desempenho da equipe sem comprometer a qualidade dos alimentos servidos.

Vale lembrar que 58% dos consumidores não voltam a frequentar a mesma empresa após ter ocorrido algum transtorno. Por isso, lembre-se que proporcionar experiências positivas contribui para o aumento da satisfação dos clientes, e lógico, para um maior faturamento da sua empresa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

treze − doze =