Alimentação sobe acima da renda

0

Os preços de alimentos e bebidas vêm subindo há cinco meses seguidos. O valor referente à alimentação corresponde a um quinto do orçamento familiar. Em março esse orçamento ficou mais caro, com dois pontos percentuais acima da renda.

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo(IPCA) registrou um novo aumento no grupo de Alimentação e Bebidas, acumulada em 8,19% nos últimos 12 meses até março. Com os dados do IBGE, a renda nominal registrou 6,28% no mesmo período.

Os economistas esperavam uma desaceleração no preço de alimentação e bebidas no mês de maio, mas devido à condições climáticas esse foi o grupo com maior variação no IPCA. “ A principal surpresa foram os alimentos in matura, como tomate e outros legumes. Isso aconteceu porque esses alimentos são muito suscetíveis a oscilações climáticas, o que gera um grande problema de oferta”, explicou o economista da LCA Consultores, Érore Sanchez.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

18 − 12 =