Advogada investe em negócio de sangrias

0

A advogada Natasha Steglich Glycerio, 25, largou o emprego para investir na venda de sangria. Incentivada pelos amigos, ela resolveu abrir o negócio “Sangria da Nat” para vender a bebida em feiras e eventos no Rio de Janeiro.

Natasha já costumava fazer sangria para os amigos e, devido ao sucesso, eles a incentivaram a investir no empreendimento. A advogada investiu inicialmente entre R$8 mil e R$ 10 mil e inaugurou sua primeira loja no dia 10 de setembro.”Desde então, toda semana tenho várias encomendas, eventos e feiras. Foi bem rápido. Não imaginava que ia ter tanta demanda tão rápido”, conta.

Na “Sangria da Nat” a bebida está disponível em três sabores: vinho branco, vinho tinto e espumante. As receitas levam uma variedade de frutas e não possuem açúcar em sua composição. São disponíveis em garrafas de 1,5 litro, 1 litro e garrafinhas de 300 ml. Esse produto também é comercializado em feiras gastronômicas e de moda, onde um copo de sangria custa R$10 e uma garrafinha R$ 15.

Com a chegado do próximo ano, Natasha se diz animada com a estação. “Estou bem otimista com o verão e a aceitação do público”, afirma. Quanto aos planos, a empreendedora conta que planeja lançar uma bicicleta customizada para fazer a entrega de sangrias na praia. “Estamos estudando as melhores maneiras para atender esse público. E estamos esperando a legalização do food truck no Rio de Janeiro; espero conseguir concretizar esse projeto em 2015 também”,diz.

Fonte: Estadão PME

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

12 + dez =