A hora das vending machines

0
A hora das vending machines

Apesar dos desafios vividos pelo setor no Brasil, cada vez mais espaços apostam nessas máquinas; perspectivas são promissoras para os próximos anos

O mercado de vending machines cresce cada vez mais em solo brasileiro, com diversos formatos, tecnologias e produtos oferecidos.

Tecnologia e praticidade

Leandro Altieri, da Adega Compartilhada, rede de vending machines de vinhos, conta mais sobre a empresa e destaca o motivo do sucesso crescente dessas máquinas no Brasil.

A hora das  vending machines
“A hipercomodidade de ter dentro do condomínio o produto pronto para consumo, na temperatura correta, e sem limite para compras veio para revolucionar e mudar o comportamento dos consumidores”, destaca Evandro Chicoria, Chief Operating Officer e co-fundador da Take and Go

“São máquinas automáticas de vendas, nosso objetivo é oferecer comodidade, segurança e uma experiência única para os amantes do vinho. São dois metros quadrados ‘que vendem’ lanches naturais, sucos, vinhos, refrigerantes e chocolates”, ressalta ele.

Leandro Altieri fala também sobre os números do setor, destacando o crescimento desse mercado mesmo durante a pandemia da Covid-19, com valores de vendas que ultrapassaram a marca do bilhão.

“Nosso mercado está em constante ascensão. Em 2020, mesmo com a pandemia, houve um crescimento de 11%, gerando mais de R$ 1,15 bilhão em produtos vendidos.

Leandro Altieri afirma que a maior parte das máquinas está restrita a ambientes fechados, como condomínios e empresas. “Hoje, 70% vending machines estão em lugares restritos (condomínios residenciais, escritórios…). O setor vem inovando para que os acessos sejam abertos ao público. Esse crescimento é um pouco mais complexo devido à questão cultural no Brasil”, diz ele.

O empreendedor destaca que continuará havendo crescimento do mercado de vending machines no Brasil, visto que as máquinas conseguem aliar tecnologia e praticidade, sendo opções interessantes tanto para empresas quanto para clientes.

“Podemos afirmar que o setor de vending machines no Brasil não vai parar de crescer. Os empreendedores já entenderam que as máquinas podem vender diversos produtos, inclusive que não sejam alimentos. Mesmo sendo um serviço altamente tecnológico, a praticidade e facilidade para efetivar a compra não exigem muito conhecimento em tecnologia ao comprador. Hoje existem pouco mais de 120 mil máquinas vending machines no Brasil. Isso significa que a cada ano novas oportunidades surgirão no setor”, afirma ele.

Leandro Altieri destaca, ainda, que este é um negócio que exige bastante atenção e cuidado. “Como em qualquer outro segmento, o setor exige muita dedicação e planejamento logístico, principalmente. Com isso, a operação pode ter sucesso e assim inserir mais máquinas na sua operação. Todos os dias respondo pessoas que desejam entrar no setor como uma forma de renda extra e a primeira pergunta que faço é: ‘Se acontecer um problema com a máquina às 9h, em que horário você irá atender seu cliente?’. É preciso estar dedicado 100% à operação. Caso contrário esta poderá lhe trazer prejuízos constantes”, afirma.

No celular

Evandro Chicoria, Chief Operating Officer e co-fundador da Take and Go, que permite a compra de cervejas sem que haja intermediação humana, bastando a compra diretamente num aplicativo de celular, dá detalhes sobre o funcionamento das vending machines em geral e, mais especificamente, sobre o produto da empresa.

A hora das  vending machines
“A cada ano, os brasileiros entendem melhor o quanto as vending machines trazem benefícios e praticidade no dia a dia”, diz Leandro Altieri, da Adega Compartilhada

“(Vending machines) são máquinas automatizadas feitas para vender diversos produtos, desde snacks a bebidas. No caso da Take and Go, a nomenclatura que utilizamos é “vending cooler”, que são cervejeiras inteligentes prontas para disponibilizar cervejas geladas 24 horas por dia. Com o auxílio da Inteligência Artificial, a máquina é a primeira a operar por reconhecimento de imagem, identificando qual bebida está sendo retirada, sendo automaticamente debitada do cartão de crédito cadastrado no app. Ideal para ser instalada em condomínios, empresas, clubes ou qualquer estabelecimento que possua cobertura de sinal 3G/4G, já que vem com o modem 4G instalado”, destaca ele.

A Take and Go já opera em vários estados do Brasil. “A Take and Go nasceu ano passado e nesse tempo de operação já alcançamos mais de 500 pontos de venda, em 19 estados mais o Distrito Federal. Nossa meta para este ano é alcançar 3,5 mil geladeiras operando e um faturamento de R$ 40 milhões”, afirma Evandro Chicoria.

O Chief Operating Officer e co-fundador da Take and Go ainda cita as principais vantagens das vending machines. “A principal vantagem é a comodidade do serviço oferecido, afinal ter uma cervejeira por perto na hora que desejar é um diferencial e tanto. Outra questão é o preço, um ponto que conta muito quando comparado aos praticados pelos bares, lojas de conveniência e supermercados”, afirma ele.

Evandro Chicoria fala também dos objetivos da marca. “O setor de vending machine não pegou muito no Brasil, pelo fato de o brasileiro não andar com dinheiro e se sentir desconfortável (com medo) de passar os cartões em máquinas. Nos países da Ásia e Estados Unidos, a cultura sobre as vending machines é comum e muito utilizada. A Take and Go veio para revolucionar através da tecnologia o conceito de vending machine que pode mudar também, durante o passar dos anos. A hipercomodidade de ter dentro do condomínio o produto pronto para consumo, na temperatura correta, e sem limite para compras veio para revolucionar e mudar o comportamento dos
consumidores”, destaca ele.

Sobre se as vending machines são hoje no Brasil uma boa oportunidade de investimento, Evando Chicoria afirma que sim, levantando benefícios como questão financeira, liberdade e segurança.

“Para quem quer conquistar uma renda a mais ou investir como empreendedor solo, a Vending Cooler é uma excelente alternativa. Além do baixo custo de investimento, tem ainda a liberdade e a segurança de poder trabalhar em um negócio descomplicado e com um ótimo retorno”, afirma ele.


Adega Compartilhada
adegacompartilhada.com
Take and Go
takeandgoapp.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

onze + três =