FS Internacional: Tecnologia, uma forte aliada

Dr. Peter Stadelmann

Rational promove evento na Alemanha e revela como atua para atender as demandas atuais e as que vão vir

O mundo está se transformando constantemente e de forma cada vez mais rápida. As mudanças podem ser sentidas e vividas em diversas áreas, inclusive no segmento de alimentação. Um dos exemplos dessa realidade é a Indústria 4.0 ou quarta revolução industrial, como também é chamada. As fábricas inteligentes, que englobam diferentes tecnologias, oferecem novas oportunidades, incluindo a automação, com robôs gigantes e vantajosos nos processos de produção. Tendo essas e muitas outras questões em vista, pensar no futuro e em soluções que atendam as demandas atuais e as que ainda vão vir é essencial.

Sendo assim, no começo de dezembro do ano passado, foi realizado o primeiro evento de imprensa da Rational América Latina, em Landsberg, na Alemanha, sede da empresa, que também está presente em mais de 120 países. Ao longo dos quatro dias de encontro, profissionais de lugares como Brasil, Argentina, México, Chile e Colômbia puderam entrar em contato com diversos equipamentos que têm sido desenvolvidos pela marca e as tecnologias que são aplicadas, além de conhecer ainda mais a empresa. E a Food Service News também esteve presente nesse importante evento.

Durante a realização do encontro, Carlos Varela Caceres, regional service manager, junto ao vice-presidente Lee Wilmot e a equipe de marketing da marca, fizeram um tour pela fábrica da companhia. Executivos da organização, como Simon Seymer, e o CEO Dr. Peter Stadelmann dialogaram com a imprensa e expuseram uma série de pontos importantes acerca da marca e do que ela tem feito e oferecido ao mercado.

Além disso, para que os convidados da imprensa pudessem presenciar, na prática, como funcionam os produtos oferecidos pela empresa, foram feitas visitas a restaurantes renomados que adquirem os itens comercializados pela Rational.

Chef Cristine, do restaurante König von Flandern

O Faton, o König von Flandern e o Leopardi (do chef Thomas Kisters), foram alguns dos estabelecimentos visitados. O Museu da BMW também foi apresentado aos participantes, assim como o restaurante localizado em seu interior, equipado com os produtos Rational.

Por fim, para finalizar o evento, o chef Juan Higuera preparou receitas especiais, utilizando as tecnologias da marca e mostrando toda a eficiência contida nelas.

Tendências

Um dos temas que foram abordados durante o evento foi a atuação da empresa em relação aos diferentes movimentos que vêm acontecendo em vários setores. Dessa forma, a Rational, constantemente, está analisando tendências. Com isso, visa melhorar, cada vez mais, o trabalho dos profissionais que atuam em cozinhas comerciais e industriais, além de fornecer as ferramentas necessárias para uma cozinha promissora. A empresa já está, inclusive, trabalhando no desenvolvimento de soluções inovadoras para as demandas que vão surgir. O objetivo, de acordo com a companhia, é estabelecer como padrão sistemas de cocção eficazes “Made in Germany”, incluindo os futuros mercados dos países atualmente emergentes e em desenvolvimento.

A digitalização nas cozinhas profissionais, por exemplo, é algo constante e crescente. E a

Carlos Varela Caceres, Regional Service Manager

Rational, fabricante do SelfCookingCenter®, utiliza o ConnectecCooking, sistema de armazenamento virtual em nuvem que oferece um impulso novo à colaboração entre o chef e o equipamento, sem deixar de lado a ação de cozinhar com criatividade.

“O SelfCookingCenter da Rational conta principalmente com uma potência bastante elevada. Assim, é possível grelhar a 300 °C, característica única no mercado dos fornos combinados a vapor. E o vapor é fornecido de modo mais abundante e mais rápido por um gerador de vapor fresco, de forma a impedir o acúmulo de resíduos e a transferência de sabor para o alimento. Os rotores do ventilador garantem a distribuição uniforme da energia para o alimento, mesmo quando todas as prateleiras estão ocupadas. O SelfCookingCenter é, sobretudo, inteligente e capaz de cozinhar autonomamente. Trata-se de um aspecto exclusivo no mercado”, destaca Stadelmann, em material enviado para a imprensa. “O SelfCookingCenter foi especialmente desenvolvido para as demandas das cozinhas comerciais e industriais. Como oferecemos equipamentos de vários tamanhos, do SelfCookingCenter XS com seis prateleiras ao SelfCookingCenter 202 com 20 prateleiras, recomendamos o uso do SelfCookingCenter a partir de 20 refeições por dia. E não há limites para a quantidade máxima”, diz.

Simon Seymer
Simon Seymer, Executive Vice Presidente Latin America

Para atender a todo tipo de mercado com o produto, a empresa verificou uma série de particularidades, inclusive as regionais. “Antes de virmos para a América Latina, observamos atentamente as especificidades da culinária local: quais são as especialidades de cada país? Quais são os modos de preparo tradicionais? Como são as cozinhas? Onde estão os desafios? Percebemos que pratos tradicionais como totopos, arrachera, empanadas, moqueca e cochinita poderiam ser perfeitamente preparados no SelfCookingCenter. E pães de queijo também. Adicionamos no SelfCookingCenter os métodos de cozimento para esses e muitos outros pratos. Assim, os usuários e as usuárias podem ter certeza de obter o resultado certo”, conta ele.

Thomas Kisters, proprietário do Restaurante Leopardi

Formação

Outro destaque da Rational em relação aos seus serviços está relacionado à formação continuada dos cozinheiros. Conforme explica Stadelmann, em todos os países latino-americanos, a empresa se envolve em escolas de culinária.

“É uma grande oportunidade de oferecer uma boa formação aos jovens e passar o conhecimento para a próxima geração. É claro que também ensinamos como lidar profissionalmente com os fornos combinados a vapor. Além disso, estabelecemos o Academy RATIONAL. Nela, os clientes podem continuar se formando gratuitamente na operação com o SelfCookingCenter, por exemplo, para organizar as atividades na cozinha de forma mais eficiente ou para conhecer novas aplicações de cocção”, afirma.

A empresa

O grupo Rational é líder mundial de mercado e tecnologia na preparação técnica de alimentos nas cozinhas profissionais. A organização foi fundada no ano de 1973 e conta com mais de 1800 colaboradores.

Matthias Lahr
Matthias Lahr, palestra: ConnectedCooking – Connect your kitchen

“A base da nossa atuação é a nossa filosofia empresarial que coloca os benefícios para o cliente em primeiro lugar. Isso significa que sempre observamos onde estão as necessidades específicas e como podemos auxiliar os clientes com a sua solução. Creio que estamos fazendo a coisa certa, pois, na última pesquisa de satisfação, 93% dos nossos clientes afirmaram que a Rational oferece os melhores benefícios possíveis”, diz Stadelmann.

A Rational Brasil está presente no mercado do país há mais de 25 anos, sendo que fundou a sua filial na cidade de São Paulo no ano de 2009. A empresa iniciou as suas atividades no país contando com quatro colaboradores. Em pouco tempo, a equipe já começou a apresentar crescimento, espalhando a sua filosofia para distribuidores e clientes, sempre pensando em oferecer o máximo de benefícios àqueles que trabalham nas cozinhas profissionais.

Thomas Hoch
Thomas Hoch

A filial brasileira é comandada pelo diretor geral Claudio Pastor. Atualmente, a equipe é composta por 29 colaboradores, entre chefs de cozinha e especialistas. Há, ainda, mais de 40 chefs freelancers certificados, além de distribuidores e assistências técnicas que dão suporte para todo o território nacional. “Temos parceiros de assistência técnica certificados da Rational em todos os lugares onde vendemos equipamentos. Eles conhecem o SelfCookingCenter muito bem e são capazes de executar os reparos necessários rapidamente. Além disso, todos os nossos equipamentos têm garantia de dois anos. Se o equipamento apresentar algum problema nesse período, a Rational cuida disso”, destaca Stadelmann.

Futuro

Juan Higuera
O chef Juan Higuera

E como deverá ser a Rational do futuro? O que se pode esperar da empresa? “No futuro, a Rational continuará se considerando uma fomentadora da inovação. Peguemos a digitalização como exemplo. Com o ConnectedCooking, a plataforma da Internet baseada em nuvem, os usuários já podem se conectar com os equipamentos da Rational e operá-los a distância. Além disso, continuaremos trabalhando a todo vapor para desenvolver outras soluções, ou conceitos modernos para as cozinhas. A Rational não se considera uma fabricante de equipamentos, mas uma fornecedora de soluções. O desenvolvimento de conceitos de cozinhas especiais faz parte dessas tarefas, a fim de tornar os procedimentos de trabalho mais eficientes, diminuir o tamanho das cozinhas ou reduzir os percursos do trabalho. E continuamos trabalhando constantemente nos nossos equipamentos. Isso pode ser percebido nas nossas atualizações de software frequentes e gratuitas. O SelfCookingCenter oferece cada vez mais benefícios para os nossos clientes. Afinal, queremos continuar crescendo na América Latina”, afirma Stadelmann.

Rational
www.rational-online.com

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA