FS Feiras: Oportunidades à vista

anufood-2019

ANUFOOD Brazil reúne profissionais de várias partes do mundo e é um ambiente propício para a geração de excelentes negócios

Mais de sete mil profissionais do segmento de food service e supermercadistas. Mais de 100 expositores de todas as partes do mundo. Mais de 50 compradores nacionais e internacionais nas Rodadas de Negócios, ao longo de três dias de evento. A ANUFOOD Brazil promete resultados bastante positivos e foi muito esperada.

“A ANUFOOD Brazil — versão brasileira da Anuga, maior evento mundial do setor — é uma feira de negócios exclusiva para o setor de alimentos e bebidas. Em seus dez setores, Agrifoods, Meat, Chilled & Fresh Food, Dairy, Drinks & Hot Beverages, Fine Food, Bread & Bakery, Organic, Sweets & Snacks e Food Service, os visitantes encontrarão fontes de inspiração e grandes oportunidades de negócios. Tem como público-alvo distribuidores, atacadistas, supermercadistas, restaurantes, bares, hotéis, entre outros. Expositores e visitantes poderão ampliar seus negócios em todos os níveis”, ressalta Cassiano Facchinetti, diretor geral da Koelnmesse do Brasil, organizadora do evento.
Na área de exposição, há empresas que apresentam produtos e novidades para os compradores e futuros investidores. Além disso, eventos simultâneos enriquecem os debates que a ANUFOOD Brazil propõe.

“O Congresso é um dos maiores destaques da ANUFOOD Brazil e vai reunir especialistas internacionais no debate sobre segurança alimentar. Com curadoria e expertise da FGV Projetos (Fundação Getúlio Vargas), entre os palestrantes confirmados estão Manoel Otero, diretor Geral do IICA (Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura), Jonathan Brooks, chefe da divisão de Agro-Alimentos, Comércio e Mercado da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico), Sebastião Barbosa, presidente da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) e Wilson Mello, presidente do Conselho da ABIA (Associação Brasileira da Indústria de Alimentos). Os assuntos abordados estão relacionados às tendências do consumo de alimentos no mundo, agropecuária e mudanças na indústria de alimentos”, destaca Facchinetti.

A geração de negócios será fomentada, ainda, com a Rodada Internacional de Negócios, em parceria com a Promoex e patrocínio da MSC. A rodada possui como objetivo ampliar e fortalecer as relações comerciais da indústria brasileira com fornecedores de serviços e produtos de diversos países ao redor do globo.

“Destaque também para o projeto com a BaresSP, que inclui workshop interativo de coquetelaria, aula de drinks com café e degustação com beer sommelier. A proposta é oferecer aos visitantes, de forma gratuita, conhecimentos básicos sobre a elaboração de drinks deliciosos (incluindo um ingrediente especial, o café) e sobre a degustação de cervejas artesanais de qualidade”, relata Facchinetti.

Um tour, composto por visitas guiadas em três ilhas (bartender, barista e cervejas artesanais), integradas e abertas, com orientações de instrutores experientes e equipes treinadas também chama a atenção.

Entre os parceiros do evento, há a participação do SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) unidade Barra Funda, que realiza aulas-show para profissionais das áreas de panificação e confeitaria durante a feira.

“Outro parceiro estratégico desta edição do evento, a Abrasel (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes) está à frente da Arena Gourmet, onde serão realizadas apresentações para o setor de pizzas, com o Instituto ConPizza, e demonstrações sobre aproveitamento e como evitar o desperdício de alimentos, com a Gastromotiva. Além disso, a associação também promove o I Encontro Abrasel – ESBRE: Saberes para Bares e Restaurantes”, salienta o profissional.

Relevância

Para Facchinetti, feiras como essa estimulam os produtores e as organizações do segmento a buscarem aprendizados e também novas oportunidades de negócios. E na ANUFOOD Brazil é possível entrar em contato com os principais lançamentos, tendências de consumo, futuro da segurança alimentar e melhores práticas do setor. Tudo isso por meio de exposições, palestras, congressos e compartilhamentos de experiências.

“O Brasil é o mercado mais importante para a Koelnmesse na América do Sul e um player cada vez mais relevante no cenário mundial da produção de alimentos. O país merece abrigar um evento com o padrão Anuga de qualidade”, frisa Facchinetti. “De acordo com os dados do setor, em 2017, o Brasil estava em 3º lugar nas categorias Alimentos Frescos e Bebidas Quentes, 4º lugar em Alimentos Embalados e 5º lugar em Bebidas Frias. Em números absolutos, os brasileiros gastaram cerca de R$ 900 bilhões nesses segmentos, e a projeção nacional para 2022 chega a quase R$ 1 trilhão. Apenas a China e os Estados Unidos estão à nossa frente em todo o ranking e, em alguns casos específicos, Índia, Japão e México. O mercado está aquecido, e cada impulso para gerar mais negócios e desenvolvimento é importante”, avalia ele.

Boulevard Nord

Diferenciais

Despertando a atenção de milhares de pessoas, todo o sucesso da feira tem razão de ser, uma vez que o evento conta com diversos diferenciais. Um deles, já citado por Facchinetti, está na segmentação do encontro, dividido em 10 setores, o que é uma prática da Anuga que facilita a visita dos compradores.

“Além disso, a feira é pioneira na promoção do agronegócio brasileiro e seus produtos in natura e típicos de cada região. Esses são pontos que a diferenciam das outras feiras que ocorrem no país. Expositores e visitantes poderão ampliar seus negócios em todos os níveis. A organização identificou os principais compradores no Brasil e ao redor do mundo por meio da rede global de eventos da Koelnmesse para que parcerias sejam consolidadas diretamente com os expositores”, salienta o diretor geral da Koelnmesse do Brasil.
Aliás, esse é outro ponto importante e que contribui para os bons resultados do evento: a experiência internacional. Como afirma Facchinetti, a Koelnmesse é líder internacional na implementação de feiras de alimentos e serviços e produtos relacionados a processamento de alimentos e bebidas.

“Feiras como a Anuga, a ISM – Feira Internacional de Doces e Biscoitos e a Anuga FoodTec são reconhecidas em todo mundo como líderes absolutas em seus setores. A Koelnmesse também organiza feiras líderes no setor de alimentos e bebidas em outros mercados emergentes no mundo todo, tais como Brasil, China, Índia, Itália, Japão, Tailândia, Estados Unidos e Emirados Árabes Unidos. Com essas atividades globais, oferece aos seus clientes um completo portfólio de eventos qualificados, em diferentes mercados, que garantem uma rede de negócios sustentável e internacional”, diz ele.

Ganhos

Com tudo isso, todos os envolvidos só têm a ganhar com o evento. “Trata-se de um ambiente que vai proporcionar a expositores e visitantes a possibilidade de ampliar e fortalecer seus negócios no mercado local, bem como se beneficiar de uma plataforma de exportação capaz de aprimorar o posicionamento de seus produtos no mercado internacional”, destaca Facchinetti.

Anuga taste Innovation Show, Nordboulevard

Não é à toa que, desde o lançamento da ANUFOOD Brazil, em agosto de 2017, já há um retorno muito positivo do mercado. “Prova disso é a chancela da FGV Projetos e outras parcerias firmadas com entidades setoriais, instituições e consultorias para que esta primeira edição do evento seja um sucesso”, salienta o diretor geral.

Artigo anteriorEventos: Números expressivos
Próximo artigoServiços: O brilho das tarteletes
A redação da Food Service News através deste canal, pauta assuntos de cunho financeiro e informativo, nossas matérias abordam novidades do mercado, tendências, dicas e oferecem entrevistas exclusivas. Além disso, a revista está sempre inovando e antecipando tendências, trazendo um conteúdo indispensável para quem deseja investir e saber mais sobre o segmento.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA